Os fofinhos

Esses nobres parlamentares  às vezes são muito engraçados. Na Assembléia Legislativa do Amapá as sessões que deveriam começar às 9h, como manda o regimento interno, só iniciam por volta das 11h e logo logo são suspensas por falta de quórum.

Ontem um deputado tomou “simancol” e reclamou do atraso no início das sessões. Pediu aos pares que se esforcem para chegar no horário. Um outro, aparteando o nobre colega, jurou que chega cedo todos os dias, não falta a nenhuma sessão e fica até o fim e pediu que os demais fizessem a mesma coisa. Tão logo acabou de falar retirou-se (vejam bem, o sujeito tinha acabado de jurar que não se ausenta antes do encerramento da sessão). Com a saída dele  o quórum também foi embora e a sessão encerrada.

Eles não são fofinhos mesmo?

  • Esses nobres(?) parlamentares são iguais em todos os lugares. Aqui em Roraima é do mesmo jeito. A sessão até que começa mais ou menos na hora, mas de vez em quando falta quórum e os trabalhos são encerrados logo após a abertura. Deve ser o cansaço de tanto trabalho e a insatisfação pelo salário minguado que eles recebem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *