Os grandes derrotados

Domingo à noite vai ter muita gente rindo e muita gente chorando. Gente comemorando a vitória e gente lamentando a derrota.

Mas os maiores derrotados serão aqueles que perderam amizades por causa da política.

  • Concordo com Ana Cleonice Pastana, José Silva de Sousa e Jeremias. Uns defendem para não sairem dos Cargos e outros acusam para terem os Cargos. E o povo? Bem o povo,…

  • Se eu perder algum amigo, é pq não era amigo mesmo.Creio que oque perco(e maioria tb) realmente é a oportunidade de ver minha cidade ser reconstruida e crescer em tudo que se faz necessário,p/uma qualidade de vida melhor.Isto sim,é uma perda irreparavel.

  • As pessoas brigam pelo seu ganha pão, pelo seu leite e de seus filhos, quem está nessas batalhas são os cargos comissionados e pessoas que levam vantagem de alguma forma dentre seu grupo político. Infelizmente é a verdade deste estado de econômia do contra-cheque… salve-se quem puder. O mundo não é feito de poesias e estorinhas de faz-de-conta. A realidade é dura e triste.

  • Se os donos do dinheiro ganhar, a grande derrotada será a nossa cidade! e quem vai sofrer é a população mais pobre.

    • Verdade,lamentaremos pela oportunidade de mudanças,mas as classes menos favorecida da população,lamentarão muito mais.Tomara Deus faça à escolha por estes,mas sabemos que Ele nos dá o livre arbitreo de nossas escolhas.

  • Pura verdade. Os aliados de hoje serão os inimigos amanhã e os inimigos de hoje serão aliados amanhã. Os políticos fazem suas alianças conforme suas conveniências, sempre colocando seus interesses acima do bem estar da população. Ao final fica a inimizade entre irmãos, vizinhos e colegas de trabalho.

  • Realmente, é impressionante como há pessoas que brigam por causa de um partido e/ou candidato, para mim, no Amapá, o pior período é o eleitoral, que a cada 2 anos vemos tanta hipocrisia, discórdia, rancores,… desnecessários, pois só quem se beneficia com isso são os políticos eleitos e seus familiares. Lamentável!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *