PF deflagra “Operação Graduados”

A Polícia Federal deflagrou na manhã de hoje  a “Operação Graduados”  em Macapá (AP), Santana (AP), Belém (PA),  Altamira (PA)  e Guajará-Mirim (RO).
A Operação visa combater o tráfico de drogas no Amapá. Vinte e cinco mandados de prisão e 16 de busca e apreensão estão sendo cumpridos.
Os presos já são “graduados” em tráfico. Daí o nome da operação.

  • essa operações não dão em nada daqui a pouco estão tudo soltos é so ver o exemplo do ANTONIO NOJEIRA, prefeito de santana, pinta e borda com a justiça do Amapá, estas operações é pra midia e pra inglês ver..

  • Nossa, tem menino ainda acreditando nas estruras de nosso estado. Senhor amado, o que falta para perceberem que as elites só trocam os nomes de seus estamentos: deidades e nobrezas ontem, gestores, magistrados e legisladores hoje. Iludam-se! Continuem voluntariosos servindo a seus senhores. E não adianta só reclamar viu, enquanto houver migalhas a boiada continua seguindo o lider. Melhor, PAREM de reclamar e vão trabalhar, suas vidas medíocres continuarão assim mesmo, medíocres. Mas se não suportarem, procurem a trilha de migalhas de pão, um dia acharão o caminho. Beijinhos crianças.

    • Em parte vc tem razão. Mas se esqueceu de que alguma coisa está mudando. Hoje, para ser legislador basta ser famoso. Não precisa nem saber escrever.

  • Os leigos cometem erros básicos e difamam injustamente o Poder Judiciário brasileiro. Quando a polícia prende alguém que não esteja em estado de flagrante delito, não é a polícia federal, civil ou militar que está prendendo, mas sim o Juiz, o Poder Judiciário do País. A polícia apenas cumpre o mandado expedido pela autoridade competente que será um juiz de primeira instância, um desembargador ou um ministro. Portanto, não é a polícia que prende e a justiça que solta. A bem da verdade, em tais circunstâncias a justiça é quem manda prender. E assim, ocorreu em todas as operações da polícia federal, onde os policiais necessitaram da decisão da justiça, para poder prender. Desta forma, quem manda e determina a prisão, também possui o poder de mandar colocar em liberdade a raça humana, dando cumprimento e alicerçando decisões judiciais nas leis vigentes do País que, por sua vez, foram votadas através do Poder Legislativo, pois a República brasileira tem aprovada em sua Constituição os três Poderes democráticos e harmônicos.

  • “Graduados” pela USP ou por universidades caça-níqueis? Tubarões do tráfico ou,
    mais uma vez,cadeia apenas para miseráveis?

  • caramba mas um vez PF em macapa fazendo varedura no estado,mas do que adianta o policia prende e a justiça vai e solta essa nossa justiça, nao valoriza o trabalho das policias….

  • Gostaria de saber se há previsão de alguma operação policial para combater os políticos graduados em roubalheira e desvio do erário.

  • Graduados com mestrado e doutorado da bandidagem…Uma boa notícia. É a nossa PF, ajudando a livrar os jovens dessa praga!

  • Oh não…. Mais uma Operação da Federal que não vai dar em nada… A PF faz a parte dela (e bem feito), mas um país com um Judiciário incompetente, a Justiça nunca será plena e verdadeiramente JUSTA (ou seja “polícia prende, justiça solta)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *