Poesia boca da noite

Poetas e amantes da poesia espalharam versos, alegria e lirismo ontem na avenida Pedro Américo fazendo poesia na boca da noite.
Desta vez o encontro foi na calçada da casa do poeta Cléo Farias de Araújo e reuniu gente de todas as idades, poetas e escritores conhecidos e jovens que até então “tinham vergonha” de mostrar seus poemas. Esses foram chegando de mansinho e tímidos. Mas não demorou muito para que perdessem a timidez e entrassem na roda tirando do caderninho ou do notebook seus  poemas,como Jhonata Cabral e Jhenni Quaresma.
Houve também declamação de poesias francesas e italianas.
Olha como foi:

Os acadêmicos de Letras , do Iesap, Robson e Jhonata, atentos ao poeta Cléo que declama uma poesia de seu livro “Escrito para Você”. Os dois acadêmicos foram lá para fazer um trabalho sobre literatura amapaense. Jhonata – que chegou meio tímido – foi se soltando e depois abriu o notebook e leu um de seus  poemas para o grupo.

Poeta Deusa Ilário declama poemas de Alcinéa Cavalcante, Osvaldo Simões e Rostan Martins, do livro Varal

Casado com a poeta amapaense Veneide Xerfan, Monsieur  Bogusz nos brindou com as mais belas poesias francesas. Momento em que declama “La jeune Tarentine” de André Chénier, poeta que foi guilhotinado  aos 31 anos, à época de Robespierre porque era um revolucionário moderado

Graça Penafort declamando maravilhosamente poesias italianas e Cléo faz o fundo musical

Orivaldo declama belíssimas poesias de Alcy Araújo e Deusa Ilário

O escritor Amiraldo Bezerra, que mora em Fortaleza e está passando uns dias em Macapá, leu na boca da noite um poema que fez em homenagem ao Alcy Araújo

Toda sexta-feira os poetas e amantes da poesia reunem-se numa calçada ou numa praça para falar, dizer e declamar poesia na boca da noite.
Em que lugar, você leitor do blog, gostaria de ver o Movimento Poesia na Boca da Noite na próxima sexta-feira?
Sugestões aí na caixinha de comentários ou mande para o e-mail [email protected]

  • Cleo, agora de volta a Fortaleza, quero agradcer à vc e sua linda família por tão bela acolhida em sua casa. Que bom seria uma noitada dessas aqui na terra que muitos amapaenses descendem.Umbeijo no coraçãode todos.

  • Adorei prestigiar a poesia boca da noite, participar na ultima sexta-feira foi muito maravilhoso. Muito Obrigado ao Cleo pela acolhida em sua casa. Obrigado Alcinéia pelo ótimo comentario e espero ter a oportunidade de participar de muita outras reuniões como essa e também poder declamar mais alguns poemas. Agradeço a todos.

  • Que tal levar poesia as pessoas que estão internadas em hospitais?levar poesia a pessoas que estão tristes e quase que isoladas de tudo pode satisfaze-las e anima-lás.

  • Por que não fazer um encontro em escolas ou até mesmo em um hospital? levar poesia em um hospital pode fazer sorrir muitas pessoas que estão internardas e muitas vezes isoladas do mundo.

    • O Professor Munhoz e o César Bernardo não puderam participar desta vez.
      Fizeram muita falta.
      Aproveitando, Ruy, te agradeço pela página de jornal que você me mandou pelo Golden. Fiquei muito feliz com o seu carinho.
      Beijo grande pra você.

  • Poxa, sempre planejo ir, mas infelizmente nunca dá. Fiquei feliz de ver que minha tia Graça foi e fez bonito, ela é ótima. Um abraço ao Cléo e família.

    • Estás vendo o que perdeste? Cada dia deve ser vivido intensamente, porque não volta mais (então, mesmo com a agenda apertada, a gente tem que arranjar tempo pra fazer o que gosta). Você fez falta, até porque eu esperei muito que você fosse. Teve até croquete de farinha, na hora da merenda. Mas não desisto: Te esperammos no próximo, OK?

  • Adorei ter participado, pela primeira vez, do “boca” .Parabéns ao grupo pela maravilhosa idéia.

  • Adorei prestigiar a poesia boca da noite, pois ja tinha visto varias vezes o seu Cleo chegando em sua casa e comentando o quanto tinha sido bom aquela sexta-feira na qual tinha participado do “boca”, e na ultima sexta-feira vi realmente o quanto é maravilhoso o “boca”. Amei ter participado. Tambem sou timida, mas ao ver aqueles lindos poemas composto pelo Cleo, veio uma vontade enorme de expressa-los.
    Parabens Sogrão! 😀

  • Credibilidade é tudo em qualquer profissão e na vida. Parabéns pelo belo trabalho e VIVA aos jornalistas de fé e boa vontade.

  • Adorei prestigiar o “Boca”, no começo fiquei tímida mas me empolguei em ver as performances dos colegas. Agradeço muito a presença de todos!
    P.S: tô até pensando em fazer alguma coisa pro próximo^^

  • Alcinéa fiquei muito feliz de vê como foi muito belo e emocionante o movimento Poesia na Boca da noite esta sexta-feira. Parabéns a todos e especial ao Cléo e sua família.

  • Quanta delicadeza. Acho isso tudo tão lindo. Parece um ato tão singelo, mas eleva a alma de qualquer um. Um dia ainda vou me juntar a vocês. Parabéns!

    • Querida Graça, manda eu email, pra conversarmos. A Néa pediu que coletássemos todos os contatos, para as próximas combinações. Você é destaque na passarela de nossas vidas e será presença obrigatória em todos os nossos encontros.

  • Minha família adorou a performance de todos, inclusive o debut de nossa filha. Ver a Mara, a Fernanda e a Deusa, também encheu-nos de felicidade. BRIGADÃO PELO PRESENTE. Agora posso dizer: É, Néa, também tenho um kit de Artepura!

  • Cleo, grata pela acolhida!
    Li o comentário da Alcinéia e minha boca encheu do sabor do croquete de farinha! Humm… Gostoso sabor de infância! Delícias de avós!
    Um carinhoso abraço a você e família.

    • A presença de vocês é que fez festa em nossos corações. Sem essas pessoas maravilhosas, o “boca” não seria o que é. Eu é que agradeço.

    • Graça, que bom ver e ouvir você de novo. A tua performance, será sempre presença obrigatória em nossas atividades culturais. É um DECRETO!

  • Gostaria que fosse na calçada da escola Azevedo Costa,onde fica o banco da amizade, no Bairro Laguinho. Sou professora de Língua Portuguesa e Literatura e esta seria uma ótima oportunidade para envolver nossos alunos nesse universo poético.

  • Obrigadão, turma. Toda a minha família ficou extasiada com o trabalho desenvolvido pelo grupo e desejou vida longa ao movimento.

    • Cléo, sua família é linda e muito amável. Nos recebeu com carinho e prazer tornando nossa boca da noite mais aconchegante e lírica.
      Obrigada pela recepção. Dê um beijo e um forte abraço por nós na sua esposa e filhos. Ah, foi bom demais ver e conversar com minha querida professora Cinira, sua irmã.
      P.S -Ainda estou com o gostinho delicioso do croquete na boca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *