Que coisa feia!

Nem o Governo do Estado do Amapá nem a Companhia de Eletricidade do Amapá – CEA – mandaram representante para a audiência pública que debateu o fornecimento de energia elétrica nos municípios de Pedra Branca do Amapari, Serra do Navio e outros,  nesta quinta, 22, na Câmara dos Deputados, em Brasília.

A ausência do Governo do Estado e da CEA foi criticada e lamentada por todos os expositores, já que a maioria dos questionamentos foi dirigida à estatal amapaense.

(Abaixo a matéria completa)

  • Quando eu vejo o Governo Waldez patrocinar o maior desastre administrativo que se tem notícias ao povo do Amapá e sendo criticado por quase todo mundo e por cima um Clovis,coloca o Capi no meio como se ele fosse o governador.Penso que ele não deve ser partidário do Barcellos,Gilton Garcia,Nova da Costa,etc..Acho que ele é partidário José Sarney(não deixa ser investigado) através dos Atos Secretos do Lucas Barreto.Clovis para de falar merda.Quem acabou com a CEA foi o Waldez compadre e amigo do Lucas Barreto.

  • É vergonhoso que o desgowerno Waldez fuja do debate referido a CEA. Um dos fatores é que na gestão do PDT na CEA (Adalto) a divida da empresa tenha aumentado de forma exorbitante… E a Janete puxa esse debate por arependimento já que foi o Governo PSB com Capiroto que tudo começou. Foi ele que entregou a CEA nas mãos de Partidos… Então Familia PSB ou Familia Capi (sei lá que ainda não sei se PSB é Partido Politico ou Partido Familiar), e agora quem paga é o POVO. E isso não PODE!

  • Cadê o povo do Desgóesverno? o Seu Alberto ficou com medo de ser chamado de INCOMPETENTE e responder porque o Estado tá falido e CEA no fundo do poço?

  • Eles são muito espertos aqui onde a maioria da midia comprada com dinheiro publico distorce as informnações e engana a opinião publica, onde os deputados esvaziam o plenario para não haver debate….
    Quando a coisa sai daqui de sucupira eles se cagam todos…..
    São uns CAGÔES SEM ARGUMENTO !!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *