Retrato da cidade

O mato tomou conta do acostamento da Travessa do Goiabal.
A situação obriga os pedestres a disputarem espaço na pista com automóveis, bicicletas e motocicletas e o perigo de acidente é constante.
A noite o perigo aumenta, pois quase todas as lâmpadas dos postes de iluminação estão queimadas.
Motoristas dizem que no escuro fica muito difícil ver os pedestres e os ciclistas. “A gente só vê quando já está em cima”.
Os moradores daquela área dizem que já estão cansados de pedir que a Prefeitura faça a capina do acostamento e que a Companhia de Eletricidade do Amapá faça a substituição das luminárias queimadas.

  • Valeu Alcinéa, obrigada por publicar matéria a respeito do ramal do goiabal.
    Realmente, a situação é bem complicada no ramal, não apenas de noite, por causa da iluminação, mas durante o dia também, pois o mato está invadindo a rua e os pedestres tem que andar pelo meio da rua.
    Os pedidos para capina são muitos, eu sozinha protocolei um pedido para a Secretaria da PMM estender o serviço de roçagem e capina no ramal, mas até hoje, nada! Eles só fazem até o Cabralzinho, vai ver que eles pagam mais IPTU que os moradores do ramal. Será?
    Bjs
    Obrigada

  • Prezada Alcinéa, não é apenas este local muito bem mostrado em seu site, que atravessa esse estado de abandono. Tenho um sítio no Goiabal, onde moro, trabalho e produzo e potanto estou ali todos os dias. Na vila não tem água tratada, a bomba do sistema isolado queimou há dois meses e a dona Caesa até agora não não resolveu. A estrada, depois que acaba o asfalto, é só buraqueira e lama. Os ramais, então, nem se fala. A promessa de melhorar a estrada vem desde o governo Capiberibe, atravessou dois governos Waldez, Pedro Paulo e agora o Camilo. Quem sabe o governador não resolve fazer uma visita e ver como as coisas estáo por lá? Com certeza a comunidade ficaria muito agradecida.

  • A verba da iluminação publica dos municipios deveria ser colocada na internet. Para que a população acompanhe o uso da mesma. E que seja deposita numa conta especifica.

  • Sempre ando pelo Goiabal e povo que mora por ali merece respeito. Mato na rua e escuridão nos postes. Nada justifica isso. Todos os que morram naquele bairro pagam taxas de iluminação pública e outros impostos, portanto, a CEA e a prefeitura de Macapá, ao invés de ficarem dando desculpas, deveriam urgentemente resolver o problema.
    Se eu fosse morador do bairro já teria acionado o Juizado da Fazenda Pública no sentido de obrigar o Prefeito e o presidente da CEA cumprirem com suas obrigações. Merecemos respeito!

  • Fico feliz por saber que não estamos sozinhos na luta por soluções de problemas que parecem pequenos, corriqueiros e cotidianos, mas que podem ser causas de situações bem complicadas, que envolve, inclusive, segurança e proteção a vida.
    De fato, o matagal da Travessa Goiabal, tem nos gerado preocupações, que não deveriam ser só nossas.

  • Obrigada, Gilvana. Moro neste ramal, a escuridão dificulta a visibilidade dos motoristas e põe em risco os pedestres que, obrigados pelo mato, se arriscam transitando no meio da pista. Há também os riscos de assalto. Espero que logo a CEA chegue aqui com a manutenção.

  • Não entendo! nos canteiros da claudomiro de moraes próximo a feira do produtor, ja foram capinada duas vezes em 1 mês, e em outros lugares tem casa que nem aparecem mais de tão alto que o mato tá!!! acho que o Prefeito so querer limpar áreas onde o povo trafega com frenquecia só pra mostrar que tá trabalhando!

  • A CEA está fazendo manutenção programada da iluminação pública e esse ramal do Goiabal está nessa programação, inclusive com as equipes da CEA fazendo limpeza da área por onde passa a rede de distribuição. A demanda é muito grande com mais de 100 pedidos acumulados e a legislação determina que a compra do material para reposição seja licitado o que demanda tempo, mesmo assim as equipes de manutenção não param e esperamos em breve atender a todos, conforme planejamento para este ano.

      • Concordo a CEA está trabalhando muito e inclusive, como se comenta, está pagando a Eletronorte em dia.

      • A assessória é boa, porque é só digitar ou falar, o problema é a execução do serviço. solicitei a troca de uma lâmpada a mais de 2 meses e até o envio deste comentário nada. Neste quisito a harmonia era melhor, pois cumpria os 15 dias úteis determinados pela ANEEL.

      • Obrigada, amiga. Estou à disposição e afirmo que a equipe da CEA é boa e responsável. Por isso, tenho certeza que vão resolver os problemas, assim que terminarem os processos licitatórios que estão em andamento para compra de material e equipamentos

        • Desculpa do amarelão é comer barro! não pode se admitir a desculpa da licitação, embora para você, como assessora de imprensa, seja plausível, mas para quem entende o minímo de administração, sabe que é incompetencia mesmo. Pois creio que deva existir algum departamento, que se não faz, devería fazer a estimativa mensal, semestral e anual do consumo de material de reposição e de manuntenção de redes. O Zé Ramalho, é um cara experiênte deixar você dar uma desculpa desta, é assinar o atestado de incompetência.

    • A comunidade da Vila Vitoria, em frente a cidade Guianense de Sao Jorge está a 24 horas sem luz. Comerciantes estao prestes a perder os congelados,como também a população, a escola e o PET. O que diz a CEA. Também as aldeias próximas estão sem diesel para os geradores. Bem como Vila Brasil não tem luz do governo para a Escola.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *