Sugestão de presente de Natal

panetJá escolheu o presente de Natal que você vai dar para aquele político que foi eleito com o seu voto?
A partir de hoje, para te ajudar a escolher o blog dará várias sugestões.
Sugestão de hoje: saquinho porta-panetone, onde em vez de panetone o seu político poderá guardar outra coisa sem levantar suspeita.
Não é um mimo?

  • Os meus saquinhos de panetoni vão pro fofo, pro fofinho e pro fofito. A fedeco não vai apurar nada do mensalãozão da comunicação do Amapá?
    Muleke, que se empapuçou de tanto rir da cara do Arruda arrotando inocência. Esse arruda não serve pra nada. A arruda planta pelo menos espanta mau olhado.

  • Generalizar não é o melhor caminho para se construir. Ao publicar tal matéria você coloca no mesmo saco os corruptos e os honestos, os que trabalham em benefício do povo e os que se beneficiam do dinheiro do povo. É verdade que são poucos, mas, existem e, ainda não encontraram nenhum processo de repreentação política que não seja pelo voto. Um país que cassou um presidente da república (collor), que colocou algemas no Jader Barbalho, que cassou Zé Dirceu, que constrangeu Sarney, que acabou com a quadrilha dos anões do orçamento, que fez reununciar ACM e Severino Cavalcante, que elegeu um sociólogo (FHC), em seguida um trabalhador (Lula), que tem como Senadores Pedro, Jarbas Vasconcelos, Cristovam Buarque, entre outros, não pode concordar com a sua matéria. Essa é a fase da depuração, por isso a cada escândalo vamos aprendendo a votar e aos poucos banir os maus políticos.

  • TUDO FARINHA DO MESMO SACO!!!

    Olá, Alcinea, como estás? Creio que bem, muito bem por não ter divulgado absolutamente nada a respeito da CASSAÇÃO pela 5a vez do prefeito ROBERTO GÓES (PDT-AP), HELENA GUERRA (DEM-AP).

    O radilaista PAULO SILVA, que recebeu no seu BLOG palvras de solidariedade dos INTERNAUTAS por ter saido de um programa radiofônico, que manipula as informações de acordo com seus interesses ECONÔMICOS E POLÍTICOS, tambem não fez nenhum comentário a respeito da CASSAÇÃO pela 5a vez de ROBERTO GÓES & CIA.

    Aliás, o radialista, divulgou que o prefeito ROBERTO GÓES e o governador WALDEZ GÓES ESTARÃO HOJE (03.112.09) na zona norte para participar do mutirão de limpeza de lixo.

    ESSES SÃO OS JORNALISTAS DO ESTADO DO AMAPÁ… TUDO FARINHA DO MESMO SACO. NÃO SÃO SÉRIOS!!!

    ROBERTO GÓES TEM MANDATO CASSADO EM PRIMEIRA INSTÂNCIA PELA QUINTA VEZ CONSECUTIVA

    2/12/2009

    Autor da ação é a Coligação Frente pela Mudança contra o prefeito Roberto Góes(PDT), a vice-prefeita Helena Guerra(DEM) e Albertina Guedes(Secretária Estadual de Educação), a acusação é de que Albertina Guedes, na qualidade de Secretária de Estado, usou a máquina administativa no período eleitoral de 2008, para contratar professores temporários no período em que tais contratações são vedadas por lei. Esses professores, além de contratados em momento proibido, eram coagidos a participar de reuniões políticas na AVRA(Associação dos Vigienses Radicados no Amapá), onde eram proferidos discursos para que votassem em Roberto Góes, candidato do governador.
    Em decisão proferida ontem, 01/12, a juíza da 10a Zona Eleitoral Sueli Pini condenou Albertina Guedes, Roberto Góes e Helena Guerra por abuso do poder político e tornou-os inelegíveis pelo prazo de três anos, cassando a diplomação dos Candidatos Roberto Góes e Helena Guerra, prefeito e vice-prefeita de Macapá. Na decisão a juíza Sueli Pine lembra que da decisão proferida por ela não cabe efeito suspensivo.

    LEIA-SE E PUBLIQUE-SE:

    Roberto Góes tem mandato cassado em primeira instância pela quinta vez consecutiva

    2/12/2009

    Autor da ação é a Coligação Frente pela Mudança contra o prefeito Roberto Góes(PDT), a vice-prefeita Helena Guerra(DEM) e Albertina Guedes(Secretária Estadual de Educação), a acusação é de que Albertina Guedes, na qualidade de Secretária de Estado, usou a máquina administativa no período eleitoral de 2008, para contratar professores temporários no período em que tais contratações são vedadas por lei. Esses professores, além de contratados em momento proibido, eram coagidos a participar de reuniões políticas na AVRA(Associação dos Vigienses Radicados no Amapá), onde eram proferidos discursos para que votassem em Roberto Góes, candidato do governador.
    Em decisão proferida ontem, 01/12, a juíza da 10a Zona Eleitoral Sueli Pini condenou Albertina Guedes, Roberto Góes e Helena Guerra por abuso do poder político e tornou-os inelegíveis pelo prazo de três anos, cassando a diplomação dos Candidatos Roberto Góes e Helena Guerra, prefeito e vice-prefeita de Macapá. Na decisão a juíza Sueli Pine lembra que da decisão proferida por ela não cabe efeito suspensivo.

    ADEUS!!!

  • Os 2(dois) pacotes o Prefeito Roberto Indonésio Pentacassado Góes,deve ter dado para os Jabazeiros para que eles não divulguem sua 5ª CASSAÇÃO,más a Imprensa Nacional está divulgando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *