Tá na revista Época

O governador de 35 contas bancárias

A Polícia Federal investiga por que Camilo Capiberibe (PSB), do Amapá, precisa de tantas delas, em quatro bancos, para movimentar seu dinheiro

MARCELO ROCHA

Cerca de 40% dos brasileiros ainda não têm conta-corrente em banco. Na Região Norte, metade da população enfrenta essa limitação. Situação muito diferente vive o governador do Amapá, Camilo Capiberibe (PSB). Uma investigação da Polícia Federal descobriu que Capiberibe aparece como titular de 35 contas bancárias. ÉPOCA teve acesso a dados do Banco Central que mostram que Capiberibe concilia a administração do Estado com a de contas-correntes, poupança e investimentos em quatro instituições financeiras diferentes. Em cinco dessas contas, sua mulher, Cláudia Camargo Capiberibe, é cotitular. A polícia ainda não sabe explicar por que o governador mantém tantas contas para movimentar seu salário – de R$ 24 mil mensais.

A polícia chegou a Capiberibe por acaso. Em setembro de 2010, 18 pessoas foram presas pela Polícia Federal no Amapá durante a Operação Mãos Limpas. Entre elas estavam o então governador, Pedro Paulo Dias (PP), e o ex Waldez Góes (PDT), acusados de corrupção, fraude em licitações e lavagem de dinheiro. Na ocasião, Camilo Capiberibe era deputado estadual. Entre o material apreendido pela polícia havia indícios de que Capiberibe e alguns colegas desviavam recursos públicos. Eles apresentavam notas fiscais da agência de turismo Martinica como se tivessem gastado com viagens aéreas – e recebiam reembolso por isso. Após investigar a Martinica, os policiais concluíram que as notas eram frias. Os investigadores afirmam que viagens eram inventadas para que os deputados recebessem um extra dos cofres de um dos Estados mais pobres do país. Entre 2010 e 2011, os deputados estaduais amapaenses aumentaram de R$ 12 mil para R$ 100 mil mensais a cota para gastos com viagens, alimentação e combustíveis. Para saber se Capiberibe embolsou o dinheiro das passagens, a PF pediu – e a Justiça concedeu – a quebra do sigilo bancário do governador. Foi aí que apareceram suas 35 contas. (Leia mais)

  • Para de viajar Osombra, vc esta questionando informação de investigações da operação maos limpas, onde o clã capiberibe somente acusava, mas agora a canoa deu água…
    Para de ser baba-ovo…

  • VERGONHA EM CIMA DE VERGONHA. TEM QUE RECONHECER QUE TODOS SÃO VERDADEIROS GATUNOS DO DINHEIRO PÚBLICO. AGORA ESTÃO COLOCANDO AO PÚBLICO COMO ERA TRATADO OS RECURSOS PÚBLICOS. SIMPLESMENTE POR QUE O ATUAL GESTOR NÃO QUER DIVIDIR O BOLO COM OS DEMAIS ENTES. CUIDADO QUE O TIRO PODE SAIR PELA CULATRA E O POVO FICAR SABENDO COMO A OLIGARQUIA TRATAVA OS RECURSOS PÚBLICOS. VAMOS DAR CORDA PARA VER ATÉ ONDE ISSO VAI DAR. AIND SÃO COISAS PEQUENAS AS MAIORES ESTÃO NA GELADEIRA. FALTA O FRAN JUNIOR ABRIR A BOCA E O MIRANDA.

  • infelizmente o amapa tem sido comandado apenas por duas familias,que ora estao na prefeitura.Ora no governo.E isso tem sido melefico para a vida do povo.Pois e so ver os problemas que enfrentamos en todas as areas do serviço publico.Queria saber quais serao os dicursos deles nesta proxima eleiçao.Vamos dar um basta nisso povo de macapa.

  • OH SOMBRA DE PALMEIRA, AS INFORMAÇOES SAO DA REVISTA EPOCA E BANCO CENTRAL…INVESTIGAÇÃO DA POLICIA FEDERAL. OS JORNALECOS DAQUI SO ESTAO TRANSMITINDO A INFORMAÇÃO.

    • Se a defesa dos Capiberibes se restringe a atacar a revista, é melhor fazer como diz o Raul Gil: peguem o banquinho e saiam de fininho…

  • É notório que esta reportagem sobre as contas bancárias do Governador é para tentar mascarar o escandalo com os Deputados. Ora, ora, o povo amapaense sabe muito bem quem sao os ladroes, quem foi preso e quem continua enganando o povo.
    Por favor! deixem o Governador trabalhar, a nossa cidade tá precisando de desenvolvimento. E ficar criticando quem tá tentando trabalhar, é no minimo querer que volte os ladroes para o poder.

    • Luana, um erro não justifica outro, aimda mas, quanto se trata de um governador de Estado é sua familia é defensora da moralidade e do bom uso do dinheiro público.

  • Quando é que a Polícia Federal vai pegar o A G, famoso tesoureiro do WG que vive viajando e levando o dinheiro da operação pra Portugual e pra Paris ?

    E as licenças operacionais compradas no Imap e na Sema através do A G pra Eco ?

  • As pessoas do Amapá tem que se convencer que a política do Amapá é composta de oligarquias, todos tem o seus pezinhos nas falcatruas que no Amapá não dá contra-partida, ou seja, só tira. Aqui pra nós, 35 contas bancárias é sinistro!

  • Essas acusaçoes quem tem que provar e a justiça porque isso foi baseado em jornais como a gazeta e o jornal do dia ou seja jornais esses que nao tem se quer credibilidade nenhuma perante a sociedade amapaense eles adoram distorcer os fatos. segundo informaçes que tive sera que porque o fantastico vai divulgar domingo a materia da verba indenizatoria da assembleia legislativa verba essa milionaria ou seja qualquer pessoa pode abrir varias contas correntes mais agora a pergunta e cade as provas contra o senhor camilo capiberibe me mostrem os documentos seja la o que for sem provas ai fica complicado ne sera que so e ele e os outros porque que nada acontecia todo mundo ficava calado.

Deixe uma resposta para Fernando MOREIRA Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *