Verba indenizatória – Quem está mentindo?

O tempo fechou e a previsão é de mais trovoadas esta semana na Assembléia Legislativa do Amapá por conta da verba indenizatória de R$ 100 mil.
Os “nobres pares” se acusam mutuamente de contar mentiras. E mentir é quebra de decoro parlamentar. E quebra de decoro parlamentar dá até cassação de mandato.

A deputada Cristina Almeida (PSB) foi notificada ontem para apresentar defesa da acusação de quebra de decoro parlamentar feita pela deputada Rosely Matos (DEM).
De acordo com Rosely, a deputada do PSB quebrou o decoro ao mentir, dizendo em entrevista ao programa CQC, exibido em rede nacional, que não recebe  verba indenizatória.
Cristina tem um prazo de dez dias para se defender. Na sua defesa poderá provar que nunca recebeu um tostão a título de ressarcimento de despesas com manutenção de escritório político, combustível, viagens etc ou, caso tenho recebido, pedir desculpas pela mentirinha e ficará o dito pelo não dito.
Criada em 2007, a verba indenizatória na Assembléia do Amapá era de R$ 15 mil; em outubro do ano passado foi elevada para R$ 50 mil – a maior dentre todas as assembléias do país – e em junho deste ano passou para R$ 100 mil.
O estratosférico valor foi noticiado na imprensa local, nos blogs e na mídia nacional. Mas os deputados ficaram caladinhos. Nenhum ,durante todos esses meses, deu um pio se manifestando contra.
O presidente da Assembléia Legislativa, Moisés Souza (PSC), disse ao blog que todos os deputados, sem exceção, recebem verba indenizatória. “Uns mais outros menos, depende das despesas que eles apresentam”, disse ele, mas não quis revelar valores. “Até o final do mês colocaremos todas as despesas da Assembléia na Internet e então qualquer pessoa saberá quanto, como e em que a Assembléia gasta e quanto cada deputado recebeu durante o ano em verba indenizatória.”

Ontem, uma semana após ter ido ao ar a entrevista de Cristina Almeida ao programa CQC e Rosely Matos ter protocolado denúncia contra ela, Cristina deu entrada num projeto de resolução que reduz de R$ 100 mil para R$ 30 mil a verba indenizatória.

O blog tentou contato com  deputada Cristina Almeida ligando para seu celular mas ela não retornou as ligações. Das 16h01 até às 22h19 de ontem, a assessoria da deputada só informava que ela estava em reunião, reunião, reunião…

  • Certamente não podemos deixar ninguém se promover no tocante a essas verbas indenizatorias imorais (já sendo bastante sutil), porém é momento de repudiarmos veementemente a sacanagem que a Assembleia Legislativa está fazendo com o Povo amapaense. Temos que, enquanto continuar essa sacanagem, lembrar desse fato diáriamente para que eles não fiquem pensando que engolimos isso a seco.

  • o povo está cansado de deputados que são comedidos para falar a verdade, a deputada
    cristina fez uso do poder outorgado pelo povo e agora os outros querem persegui-la sendo que ela é a unica que tem comparecido dentro dos bairros para escutar as comunidades, se ela concorda que é um absurdo usar a verba idenizatória de 100 mil, os dep. têm que respeitá-la e justificarem seus gastos já que eles não são vistos no meio do povo.

  • É SIMPLES RESOLVER ISSO: PEGAR A GRAVAÇAO COMPLETA DA REPORTAGEM E PROVAR QUE A DEP. CRISTINA NÃO MENTIU E QUE TUDO FOI PARTE DE UMA EDIÇÃO. ACHO INFANNTILIDADE DA DEP. ROSELI EM CONFIAR APENAS NA EDIÇÃO…PORQUE PODE-SE TER ACESSO AO CONNTEUDO COMPLETO!
    PORTANTO DEFENDO SIM A DEP. CRISTINA QUE NAO FALOU INVERDADES E APOIO A ATITUDE DELA DE BAIXAR ESSA VERBA VERGONHOSA.

    VERGONHA…VERGONHA…100 MIL É UMA VERGONHA!!!!

  • Porque você não comentou também sobre o povo amapaense ser chamado de burro, senador maranhense pelo Amapá, deputados envolvidos nas mãos limpas ,deputada beijoqueira, funcionários fantasmas, deputados se escondendo do CQC;como se viu de tudo a reportagem falou um pouco, mas seu artigo tendencioso só procurou colocar em cheque a dignidade da deputada cristina.

    • Os meninos do CQC não mentiram! Todos ganharão presentes hohohoho… Dignidade por dignidade eles foram bem mais dignos em falar todas as verdades, você está defendendo a criança “Titina Almeida” criticando a Alcinéa? Em nenhum momento foi tendenciosa, ela se ateve a questão da verba indenizatória e o ocorrido. A nota dela não fala da máteria completa do CQC,fala de um fato e, cita o CQC como referência do ocorrido. Acorda Viana! Feliz Natal, não vai ganhar presente, reprovado, não sabe ler criança.

  • Os deputados já são pagos com nosso dinheiro para não fazer nada, tenho uma dica para os mesmos, que neste Natal o presidente Moisés e seus pares pegassem todo o dinheiro e fizessem doação ao governador para melhorar a saúde do nosso estado, gostou da ideia?

  • Devemos exigir transparencia na AL. Chega de ficarmos aceitando tudo calados. MP, cadê a contnuidade na ação de investigação contra esse assalto aos cofres públicos?

  • Depositei meu 1o. voto nas urnas de Macapá nesta eleição de 2011 e Cristina foi uma das escolhidas p/meu voto.Não me arrependo de ter dado meu voto p/ela,mas se as eleições fossem hj,pode apostar que ela seria uma das excluidas de minha parte.É conhecida e amiga de alguns de meus familiares e por isto minha simpatia pela deputada,mas ainda não me convenceu p/quê veio e foi eleita.Assisti ao CQC e ouvi a deputada dizer que não recebe essa verba(100 mil) indenizatória.Acredito que ela pecou em não esclarecer que não recebe os 100 mil,mas que recebe um outro valor p/seus gastos.Quanto ao projeto da deputada,creio ser o mais sensato,mas duvido que seja aprovado.Vergonha total essa verba indenizatória, em um estado tão pobre como o Amapá.

    • Concordo com vc qd diz que a deputada deveria esclarecer melhor oq falou. Mas entenda uma coisa:eu esta proxima qd eles gravaram a entrevista cm ela e infelizmente EXISTE EDICÃO, pois na entrevista original ela explica tududinho e mas um pouco, mas ai, veio a tal edição e eles colocaram aquilo que eles queriam… enfim… já se sabe o resto… mas não julgo a deputada, tb não estou puxando o famoso “saco”, mas EU não julgo sem conhecer uma pessoa antes, e não julgaria a Deputada Cristina sabendo perfeitamente do passado, presente e futuro “daqueles” Deputados que querem Cassá-la….

      • Pois é Lorena,mesmo não estando perto da deputada na hora da entrevista do CQC,opinei na melhor das hipóteses, dizendo acreditar que Cristina recebe sim a verba,mas não no valor especulado de 100 mil.Creio que me fiz entender.Vc sabe o final da entrevista por estar próximo à ela,pois creio ser vc uma das assessoras dela,ou não?Já estive em sua casa,frente à UNA,fui levar um convite,tá ligada? Ah! costumo dizer que “palavras o vento leva,oque vale são as atitudes” e são estas atitudes que espero ainda encontra na pessoa da nobre deputada Cristina.As oportunidades de dizer isto pessoalmente,aposto não faltará.O mundo politico é como um circo,a lona só é suspensa quando o espetáculo termina e que eu saiba,este só começou.Creio que não presciso desenhar.

      • CONCORDO COM VC POIS SE A JUSTIÇA OS PRIMEIROS SEREM CAÇADOS DEVERIAM SER OS DEPUTADOZINHOS QUE RECEBEM OS 100MIL…;
        VEREGONHA … VERGONHA …100MIL E UMA VERGONHA..

  • Na verdade, o duodécimo da AL é muito grande, então eles têm que gastar de qualquer jeito. Quem não lembra das “diárias”, do ano passado? Para 2012, o “derrame” terá outra nomenclatura. E assim vai e o TCE igualzinho a alguns deputados, caladinhos, como se nada estivesse acontecendo. Nesse caso, o TCE fiscaliza a AL e vice-versa. No final está tudo dentro das normas contábeis geralmente aceitas.

    • Manos, é claro e evidente. Qtos prédios possuem juntos Assembléia Legislativa do Amapá e Tribunal de Contas do Estado??? Resposta: Não mais que três!!! Agora Pasmem!!!! Olhai para a monta de recursos!!! Esse ORÇAMENTO precisa ser revisto… assim, dessa forma recorrente, dá-se margem a esses “inimigos do alheio” agirem e dispor do nosso dinheiro como bem lhes convir… exemplos não FALTAM!!!

  • Noite de ontem… Hohohoho peguei meu trenó e fui passear pela cidade e percebi que a AL não colocou nem uma decoração natalina em sua sede, na avenida FAB. Será que meus pequenos duendes daquela casa não podem fazer uma vaquinha com a verba indenizatória e colocar um jogo de pisca pelo menos pra gente ver algo “bonito” saindo daquela casa em favor do povo. Já que não temos ações, podemos ter a ilusão de que a casa é “bonita”! Desejo um Feliz Natal para minhas “crianças malcriadas” daquela casinha SEM recursos e tão MODESTA em seus gastos.

  • ESTES DEPUTADOS DEVIAM PROTOCOLAR PRA SI MESMOS O PORQUÊ QUE ELES USAM ESTA VERBA INDECENTE? PARA QUE ELES USAM TAL VERBA?

    É UMA QUESTÃO DE TER CARATER… É UMA QUESTÃO DE PARAR DE TANDO ABUSOS NO USO DO DINHEIRO PÚBLICO QUE NÓS JÁ PAGAMOS DE TANTOS IMPOSTOS…

    ELES TODOS QUE DEVERIAM SER EXEMPLO, COMO PODERÃO COBRAR DO EXECUTIVO…

    AGORA EU DESAFIO:

    SAIR O VALOR E PRA QUE CADA deputado USOU TAL VERGONHA, SERÁ QUE ELES TÊM CORAGEM DE MOSTRAR?

    SERÁ ????

    ELES ENFRENTAM ATÉ A JUSTIÇA E O MINISTÉRIO PÚBLICO…

    AS ELEIÇÕES VIRÃO E NINGUEM VAI APAGAR TUDO QUE ELES ESTÃO FAZENDO.

    VAI SER LEMBRADO CONCERTEZA… PRINCIPALMENTE DOS QUE MANDAM LÁ…

    • Caro Ewerton, infelizmente ano que vem as eleições serão para prefeito e vereador, mas fica a dica. se você fez justiça com seu voto na eleição passada, que assim seja daqui para frente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *