Vestibular 2013 da UEAP

A Universidade do Estado do Amapá (Ueap) lançou o edital do Vestibular 2013 que regerá o processo seletivo de acesso aos cursos superiores da instituição no próximo ano. O edital traz como novidade a utilização das notas do Exame Nacional do Ensino Médio – Enem de 2012 para acesso a 50% das vagas ofertadas no PS 2013.

A parceria firmada com o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais “Anísio Teixeira”), órgão executor do Ministério da Educação, insere a Ueap no contexto das universidades públicas brasileiras que possibilitam o ingresso na instituição de candidatos de todas as partes do Brasil por meio de um processo de avaliação unificado.

O Processo Seletivo – PS 2013 visa o preenchimento de 550 vagas nos turnos da manhã, tarde e noite. Para concorrer a qualquer uma delas é necessário que o candidato efetive a sua inscrição no certame, no período de 24 de setembro a 17 de outubro, por meio do endereço www.ueap.edu.br/vestibular ou www.ueap.ap.gov.br/vestibular. A previsão é a de que as provas aconteçam nos dias 9 de dezembro, a primeira fase, e 13 de janeiro de 2013, a segunda fase.

Para concorrer às vagas destinadas ao Enem, o candidato deverá, no ato da inscrição, optar por concorrer com a nota do Exame Nacional do Ensino Médio deste ano e preencher o campo destinado com o seu número de inscrição na prova do Enem. Uma vez realizado esse procedimento, o candidato não terá seu nome relacionado entre os que realizarão as provas do PS-2013.

Para a classificação dos candidatos que optarem por usar as notas do Enem, serão consideradas as informações contidas no banco de dados do Ministério da Educação, sendo eliminados os que apresentarem pontuação inferior a 500 pontos do total da prova, ou inferior a 100 pontos em uma das áreas de conhecimento do referido exame, incluindo a redação.

Em ambos os sistemas, serão aplicados os regimes de reserva de vagas para candidatos egressos da rede pública de ensino, afrodescendentes, indígenas (5%) e pessoas portadoras de deficiências (5%).

Após o preenchimento do formulário de inscrição, os candidatos às cotas para indígenas e portadores de deficiência devem apresentar os documentos originais e cópia exigidos no edital, juntamente com o comprovante provisório de inscrição, gerado após a efetivação da inscrição, na Divisão de Processo Seletivo, localizada no Campus I da Ueap, até às 17h30 do dia 17/10, caso contrário terão suas inscrições canceladas.

O candidato que não estiver em condições de concluir o ensino médio poderá participar no certame como treineiro, mediante o pagamento de taxa de inscrição no valor de R$ 95. A classificação dar-se-á em lista específica e independente da lista classificatória dos candidatos ao ingresso por meio do vestibular.

Mais informações pelo www.ueap.edu.br/vestibular ou www.ueap.ap.gov.br/vestibular.

Keila Gibson Rebelo/Ueap

  • … Muita vontade de ter outra graduação, mas cansa a ideia de fazer vestibulares novamente, cursinho, etc. Haha. Há bastante vaga para o ENEM. Dificulta para quem não está mais estudando e facilita para quem se deu o trabalhado de fazer a prova.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *