Doe sangue – Professora precisa com urgência

Professora da Escola Robamar Pestana, em Santana, Katiane Figueira de Araújo precisa com urgência de sangue (qualquer tipo). Ela está internada na UTI do Hospital de Santana em coma induzido.

A reinvenção dos Correios

A reinvenção dos Correios 
Carlos Roberto Fortner*

Os Correios são sinônimo de confiança, credibilidade e fé pública para a maioria absoluta da sociedade brasileira há mais de três séculos e meio. Trata-se de um patrimônio nacional, motivo de orgulho para seus quase 106 mil trabalhadores.

Apesar da crise que o país atravessa, afetando indistintamente diferentes segmentos da economia, os Correios provavelmente vivem hoje seu maior momento de reinvenção, recuperação e transformação, com os primeiros resultados visíveis e melhorias significativas para o cliente já começando a surgir. Continue lendo

Deputado volta a defender criação da editora estadual e republicação de obras raras

No Dia Mundial do Livro e dos direitos do autor, o deputado estadual Pedro DaLua (PSC) voltou a requerer que o parlamento estadual faça a republicação de obras raras que ajudam a entender a construção do Amapá e os principais episódios nestes quase três quartos de século. Ele também pede ao poder executivo que crie a Editora Estadual, criada por projeto de lei de sua autoria.

Dentre as obras sugeridas estão “Confiança no Amapá” (coletânea organizada por Janary Nunes), “Quem explorou quem no contrato do manganês” (de Álvaro da Cunha), “Telas e quintais” (de Fernando Canto) e “Estórias do Amapá” (de Hélio Pennafort). Além destas, DaLua sugere a republicação de obras literárias como “Sermão de mágoa” (de Arthur Nery Marinho), “Praça, pinga, poesia e Mágoa” (de Obdias Araújo) e “Modernos poetas do Amapá (coletânea publicada nos anos de 1960). Continue lendo

E você enxerga até onde?

E você enxerga até onde?
Dom Pedro José Conti, Bispo de Macapá

Quatro meninos moravam no mesmo prédio e brincavam juntos. Cada um resolveu contar as suas vantagens. O primeiro disse:

– Eu moro no primeiro andar e enxergo até o mato que está lá adiante, nos fundos do edifício. O segundo afirmou:

 – Eu moro no segundo andar e enxergo por cima daquele mato e vejo a lagoa que está bem mais longe. O terceiro sentenciou: Continue lendo

Domingo é Dia do Índio no Museu Sacaca

O Governo do Estado promoverá no domingo, 22, uma programação especial para comemorar o Dia do Índio, celebrado em 19 de abril. A programação acontecerá na área de Exposição a Céu Aberto do Museu Sacaca, em Macapá, das 11h às 17h, e contará com diversas atividades educativas e culturais, todas produzidas pela Coordenação Pedagógica do Museu em parceria com a Casa de Apoio aos Povos Indígenas (Casai).

As atividades serão voltadas para a tradição e cultura dos povos indígenas do Amapá. Também será uma oportunidade para os indígenas comercializarem a sua arte com a venda de artesanato e cobrança de valores simbólicos pela pintura corporal.

Continue lendo

Este rio é minha rua

A forte, mas rápida, chuva que caiu hoje à tarde em Macapá deixou vários pontos da cidade alagados, principalmente onde existiam áreas de ressaca que foram aterradas.
A foto é da Av. Desidério Antônio Coelho com a rua Manuel Eudóxio feita pelo internauta Biro Biro

Ah, Macapá!

Em Macapá toda vez que chove falta água nas torneiras.

É sempre assim. Basta São Pedro abrir as torneiras do céu para a Caesa fechar as torneira cá embaixo.

Senador Davi Alcolumbre lança hoje sua pré-candidatura ao governo

É no comecinho da noite de hoje, às 19h, em Santana – o segundo maior colégio eleitoral do Amapá – o lançamento da pré-candidatura do senador Davi Alcolumbre (DEM) ao governo do estado.
O evento será na quadra da escola GPC (Av. das Nações entre Adalvaro Cavalcante e Ubaldo Figueira) e terá no palanque expressivos líderes políticos, como o senador Randolfe Rodrigues (REDE), prefeito de Macapá Clécio Luís, além de deputados e vereadores de vários partidos.

“O que atravanca o desenvolvimento do Amapá é a incompetência dos governantes”, diz  Davi Alcolumbre. “E essa incompetência não é apenas do atual governo, mas vem se arrastando há décadas capitaneada  pelo PSB e PDT, que desde 1995 se revezam no governo do Amapá”, ressalta.

“É um disco que precisa ser mudado. Já conhecemos toda a cantilena, melodia e arranjos tanto do lado A como do lado B desse disco. Um disco que, apesar de todo esse tempo, não consegue entrar no hit parade do desenvolvimento. Este ano temos a oportunidade de uma nova alternativa para mudar esse disco.”

Davi começou a carreira  política em 2000, elegendo-se vereador. Depois de 2 anos de mandato, foi eleito deputado federal (2002), sendo reeleito em 2006 e 2010. Em 2014 elegeu-se senador.

Arborizando

A Prefeitura de Macapá fez ontem o plantio de cerca de 150 mudas de moringa, ipê e oiti no bairro Morada das Palmeiras, zona norte da cidade.
Além disso distribuiu mudas de jaqueira, cajueiro, ingá e acerola para que os moradores do bairro plantem em seus quintais.

“A prefeitura dá os primeiros passos. Estamos felizes  e só temos a agradecer ao prefeito Clécio por pensar com carinho em nosso bairro”, disse a presidente da Associação de Moradores do Bairro Morada das Palmeiras, Andreia Tolentino.

Agora é torcer para que a comunidade cuide das plantas.

Escoteiros e lobinhos do grupo Sol Nascente participaram da ação. Afinal, um dos artigos da Lei do Escoteiro diz que “O escoteiro é bom para os animais e as plantas”.

(Fotos: Nayana Magalhães)