Encontro numismático

Se você coleciona – ou pretende iniciar uma coleção de moedas e cédulas – anote aí na sua agenda: dias 30 e 31 tem encontro dos numismatas amapaenses. Nesses dias, na sede do Infor, haverá exposição, venda e troca de cédulas e moedas.
Haverá também palestras, bate-papo, histórias… enfim, muita informação.
Os maiores estudiosos amapaenses da numismática estarão lá para receber estudantes e toda e qualquer pessoa que tenha curiosidade e interesse nesse tipo de colecionismo.
A entrada é franca.

Tarde numismática

Colecionadores e estudiosos de moedas e cédulas comemoram os 261 de Macapá com uma tarde numismática no Infor (Av. Mendonça Furtado esquina com rua Santos Dumont), na segunda-feira.
Haverá exposição, bate-papo, troca e venda de moedas e cédulas.
O encontro não é fechado, portanto não precisa ser um colecionador para participar. Qualquer pessoa que tenha curiosidade por moedas e cédulas ou queira iniciar uma coleção será muito bem recebida pelo grupo de numismatas  amapaenses.

VI Encontro Numismático Amapaense

O termo numismático tem origem grega νόμισμα – nomisma, através do latim numisma, moeda. É o estudo sob o ponto de vista histórico, artístico e econômico das cédulas, moedas e medalhas, muito embora o termo também seja empregado como sinônimo ao colecionismo desses itens. A numismática engloba ainda outros objetos “monetiformes”, ou seja, assemelhados às moedas, como os jetons (geralmente emitidos por corporações para identificar seus membros), moedas particulares (destinadas a circular em círculos restritos, como uma fazenda) ou ainda os pesos monetários (que serviam para conferir os pesos das moedas em circulação). Na atualidade, desenvolveu-se também o conceito de colecionar moedas como forma de investimento, visto que as moedas costumam se valorizar com o passar dos anos.
O Brasil tem uma história numismática muito rica com uma variedade de belas e curiosas moedas e cédulas, distribuídas em deferentes períodos. Podemos separar o estudo numismático do Brasil conforme o período histórico em: Brasil Colônia 1500 a 1815, Brasil Reino Unido 1815 a 1822, Brasil Império 1822 a 1889 e Brasil República de 1889 até os dias atuais. Mesmo durante cada um destes períodos existe uma gama de variações nas moedas e cédulas, tanto em razão de fatores regionais, tipo de metal, local de cunhagem, governante, ou em função da existência de variantes de moedas, moedas e cédulas anômalas, marcas e contramarcas. Enfim, o estudo numismático se torna extremamente intrigante e traz importantes contribuições históricas.
A região amazônica foi por muito tempo um importante centro comercial e a foz do rio amazonas era a porta de entrada para o vasto e rico território amazônico. Os portugueses trataram de ocupar e fortificar esta região, a exemplo da Fortaleza de São José de Macapá e do forte do Presépio em Belém. Mesmo assim, este território foi por diversas vezes invadido por Ingleses, Franceses, Holandeses, Espanhóis e Alemães. Neste contexto, formou-se uma complexa rede de interação destas potencias europeias com os povos nativos da região, que incluía o comercio. Por aqui moedas e outros artefatos de diferentes países, até hoje são encontradas em vários sítios históricos.
Justamente por conta destes fatores que o estudo da numismática na Amazônia e em especial no Amapá se torna de grande relevância para a recuperação de parte da história da formação do nosso território. Neste sentido, a Associação Numismática Amapaense tem promovido exposições, palestras e encontros visando divulgar e buscar novos interessados em compartilhar o interesse, as curiosidades e o amor pelas moedas e cédulas do Brasil e do mundo, com a noção de que estes pequenos objetos são na verdade fragmentos históricos da humanidade.
(Texto: Pablo Francez, numismata)

Coleção de moedas

Leitora do blog, Rafaela nos mostra hoje sua coleção de moedas.

moedas
rafaelaEsta é a Rafaela. Ela diz: “sou colecionadora também, mas apenas de moedas estrangeiras e existem algumas antigas do Brasil. Tenho vontade de viajar e conhecer outros países, mas enquanto isso coleciono e ganho notas de amigos e conhecidos.”
Então, amigos da Rafaela, agora vocês já sabem que um bom presente para ela são cédulas e moedas para sua coleção. E aqui no blog a gente fica torcendo para que ela logo realize o sonho de conhecer um monte de países.

(Se você, querido leitor, coleciona alguma coisa e quer postar sua coleção aqui no blog mande fotos e texto para alcinea.c@gmail.com)