Prefeito anuncia prorrogação do lockdown

O prefeito de Macapá, Clécio Luis,  anuncia a prorrogação do isolamento social rígido, lockdown, por mais cinco dias.
Mas garante que a partir da próxima semana iniciará a retomada gradual, planejada e criteriosa das atividades econômicas e sociais em Macapá.
Sobre o rodízio de carros, ele informou que veículos com placas com terminação em número ímpar continuarão circulando nos dias ímpares e as pares em dias pares, no entanto no domingo, 31,  poderão circular, além dos carros com placa com terminação ímpar como em par. Na segunda-feira, 1, o rodízio volta a valer.

Prefeitura de Macapá decreta isolamento social mais rígido

Após ultrapassar 100 mortes por Coronavírus no Amapá e mais de 2.500 casos confirmados somente na capital, a Prefeitura de Macapá e o Governo do Estado decretaram nesta sexta-feira, 15 de maio, o isolamento social mais rígido de enfrentamento do Coronavírus. A medida começa a valer nesta terça-feira, 19 de maio, e terá validade de 10 dias. Essa decisão também já foi adotada em outras capitais do país como forma de conter a pandemia.

Por meio do Decreto Municipal nº 2.058/2020, assinado pelo chefe do poder Executivo, as pessoas ficam restringidas de sair de casa e andar pelas ruas, exceto para trabalhar em serviços essenciais ou fazer atividades indispensáveis, como comprar alimento ou retirar benefícios sociais em lotéricas e bancos. Para as pessoas que saírem, o uso de máscaras é obrigatório. Os serviços essenciais de supermercados, banco, padarias e farmácias não fecham, continuam em funcionamento.

Rodízio de veículos
Com o endurecimento das restrições, será adotado ainda o rodízio de veículos no município de Macapá para todos os carros particulares, exceto de profissionais de saúde, segurança, Defesa Civil ou de uso oficial, entre outros. Também estão liberados táxis, ônibus e veículos de abastecimento de água, cargas de gêneros alimentícios, imprensa, carro funerário e coleta de lixo. Os transportes por aplicativos poderão circular, mas funcionarão também por sistema de rodízio de placas.

Em dias pares: somente poderão circular veículos com dígitos finais de placa pares. Em dias ímpares: poderão circular apenas veículos com dígitos finais de placa ímpares. Quem descumprir poderá ser multado. A restrição ocorrerá todos os dias, incluindo sábados, domingos e feriados, da 0h às 23h59.

Barreiras
A prefeitura também fará barreiras sanitárias  com aferição de temperatura. Os bloqueios nos bairros são para restringir a circulação de pessoas enquanto as medidas estiverem em vigor. Além disso, os bairros com maiores incidências de infectados pela Covid-19 terão ações intensivas de combate e prevenção, com o intuito de aumentar o índice de isolamento.

Para o prefeito de Macapá, Clécio Luís, diante da situação do quadro real de colapso na saúde, de mais mortes a cada dia e casos de Covid-19 aumentando, é necessário decretar o lockdown. “Manteremos o que está em funcionamento. Não fecha banco, não fecha supermercado, não fecha nada que trabalha com serviços essenciais ou gênero de primeira necessidade, mantém como está. No entanto, as medidas mais rígidas se referem à circulação de pessoas e veículos”, disse.

“O isolamento mais rígido está fundamentado em três ações: barreiras sanitárias, continuaremos fazendo porque deram resultado positivo; e rodízio de carros, nos dias pares poderão circular veículos com último dígito da placa par, em dias ímpares placa com último dígito ímpar. Com isso, reduziremos 50% da frota de veículos circulando em Macapá. Claro que existe exceções, transporte público, táxi, mototáxi, veículos de profissionais da saúde, segurança”, explicou o prefeito.

“A outra medida são as operações integradas nos bairros, orientando o que pode ou não, e a distribuição de máscaras”, enfatizou Clécio Luís. Ainda de acordo com o prefeito, essas medidas só darão certo se a população ajudar. “Sabemos que essas ações só darão certo se a nossa sociedade cumprir e ajudar. Todas essas medidas estão sendo tomadas para salvar vidas. Essas ações se fazem extremamente necessárias para aumentarmos o isolamento, que é a única forma de diminuir a velocidade do contágio do vírus”, ressaltou.

Uma casa azul-ternura

Não sei se essa casa ainda existe, pois cumprindo isolamento social estou há mais de dois meses sem sair.
Essa foto eu fiz bem antes da pandemia.
Andando pelo bairro do Trem (gosto muito de andar a pé pela cidade) passei na frente dessa casa. Achei-a linda e fotografei . Adoro casas que tem flores e venezianas.
Aliás, antigamente a maioria das casas de Macapá tinha veneziana. O progresso chegou trazendo junto a violência e as pessoas se viram obrigadas a substituir as charmosas venezianas por janelas mais seguras, pesadas e gradeadas.
Bom, mas voltando a  casa da foto. Vocês não acham linda? É o tipo de casa que a gente pode dizer que tem alma. E olhem as flores ao redor. Também me chamou atenção a cor: uma casa azul-ternura com portas e venezianas verde-esperança.

Macapá tem… e muito

Quem pensa que o poço amazonas só existe nas pequenas e distantes localidades interioranas não conhece Macapá. Aqui esse tipo de poço é muito comum, principalmente nos bairros da periferia, onde não chega a água encanada.
Os poços são abertos na maioria das vezes a poucos metros das fossas.

Macapá tem…

em todos os cantos da cidade barraquinhas (montadas em bicicletas) que vendem frutas, tucupi e molho de pimenta

Casa coberta de flores

Paneiros do melhor camarão do mundo em qualquer feira ou esquina da cidade. Camarão novinho, pescado na frente da cidade no rio Amazonas. Uma delícia para comer com açaí, com tacacá, fazer farofa, salada, refogadinho com legumes, guizadinho com batatas, recheio de peixe e o que mais a imaginação mandar.

barraquinhas de churros em todo lugar

O rio Amazonas passando na frente da cidade. Completando a beleza um pássaro canta para o majestoso rio

Açaizeiros por toda parte

Amassadeira de açaí (que no Pará chamam de vitaminosa) de todo jeito e em todo lugar.
A bandeira vermelha indica que já começou a venda

Casa com janelas venezianas, sem muro e sem grades E como é bom de tardinha, colocar as cadeiras na frente da casa (que parece que foi plantada no meio de um bosque) e jogar conversa fora com os amigos, tomando um cafezinho ou um suco de maracujá.
Vendedor de pupunha em todos os cantos
cadeiras na calçada

(Fotos: Alcinéa Cavalcante)

Macapá 262 anos – Confira a programação desta terça-feira

Terça-feira (04/02)
6h – Salva de canhões – Fortaleza de São José de Macapá;
7h30 – Missa em ação de graças – igreja matriz de São José
Encontro das bandeiras;
8h30 – Marabaixo da Juventude;
8h30 – Marabaixo Tia Sinhá;
8h30 – Marabaixo Movimento Cultural Ancestrais;
8h30 – Marabaixo Filhos do Criaú;
9h – Cortejos artísticos – Carroça da alegria e bonecos gigantes;
9h – Cortejo do Banzeiro do Brilho-de-fogo;
10h – Capitão Açaí – exposição de artes visuais (Ronaldo Rony);

Praça Floriano Peixoto
10h30 – Osmar Júnior;
11h30 – Amadeu Cavalcante;
12h30 – Zé Miguel;
13h30 – Negro de Nós;
18h30 – Meio Dia da Imperatriz;
19h30 – Mauro Cotta;
21h30 – Diogo Nogueira (atração nacional).

Mercado Central
13h30 – Bebeto Nandes;
14h30 – Anthony Barbosa;
15h30 – Duo Amazofonia;
14h30 – Rosa Amaral;
17h30 – Intervenção poética com Hayam Chandra;
18h – Mayara Braga;
12h às 18h – Miguel Arcanjo – exposição de artes visuais.