Mais de 100 parlamentares são alvos de investigação

Do Congresso em Foco
Lavagem de dinheiro e corrupção são os crimes mais comuns entre os atribuídos a parlamentares

Ao menos 63 deputados e 44 senadores da atual legislatura (2015-2019) são alvos de investigação por suspeita de ter cometido o crime de lavagem de dinheiro. Esse tipo de crime é o mais comum entre os parlamentares, segundo o mais recente levantamento exclusivo do Congresso em Foco sobre a situação judicial dos congressistas, com base em informações do Supremo Tribunal Federal (STF) dispostas em seu site até 30 de abril – três dias antes da mudança de entendimento da Corte sobre foro privilegiado, que restringiu casos e implicou transferência de processos para instâncias inferiores da Justiça (leia mais abaixo). Em um universo de 643 crimes atribuídos aos mandatários, 108 são relativos a lavagem de recursos. Continue lendo

ANP vende três blocos e arrecada R$ 3,15 bilhões em bônus

Da Agência Brasil

A Agência Nacional do Petróleo, Gás natural e Biocombustíveis (ANP) vendeu três dos quatro blocos ofertados nesta 4ª Rodada de Partilha e arrecadou R$ 3,15 bilhões em bônus, garantindo investimento mínimo de R$ 738 milhões ao país. A previsão era arrecadar R$ 3,2 bilhões com bônus de assinatura. Continue lendo

Se você fosse o técnico, qual seria a sua seleção brasileira?

Tite anunciou hoje a tarde, na sede da CBF, os 23 jogadores convocados para a Seleção Brasileira, cujo jogo de estreia será dia 17 de junho  contra a Suíça.

Veja abaixo os convocados e diga o que você acha dessa seleção. Excluíria algum nome? Convocaria outros? Enfim, se fosse você o técnico, qual seria a sua seleção?

Seleção Brasileira – Os meias

Fernandinho – Manchester City Football Club (ING)
Casemiro – Real Madrid Club de Fútbol (ESP)

 

Fred – Futbolniy Klub Shakhtar (TUR)
Paulinho – Futbol Club Barcelona (ESP)
Philippe Coutinho – Futbol Club Barcelona (ESP)
Renato Augusto – Beijing Guoan Football Club (CHI)
Willian – Chelsea Football Club (ING)

178 deputados federais são acusados de crimes. Veja a lista

Do Congresso em Foco

Um em cada três deputados é acusado de crimes. Veja a lista atualizada dos investigados

Um em cada três deputados é suspeito de ter cometido algum tipo de crime. Dos 513 integrantes da Câmara, pelo menos 178 respondem na Justiça a inquéritos (procedimentos que podem resultar em processos) ou ações penais (processos que podem acabar em condenação). O PP, o PT e o PSDB são os partidos com mais deputados com pendências criminais. Das 27 legendas com assento na Casa, apenas seis pequenas (Psol, Rede, PV, PPL, PRP e PRTB) não têm atualmente parlamentares sob investigação (veja abaixo a lista dos investigados).

Os dados são de levantamento exclusivo do Congresso em Foco com base em informações do Supremo Tribunal Federal (STF). Praticamente metade das bancadas do PP e do PT é acusada de crimes. Nessa situação estão 29 dos 60 petistas e 24 dos 49 deputados do PP. Os tucanos vêm a seguir, com 21 de seus 49 nomes sob suspeição. Dono da segunda maior bancada da Câmara, com 50 parlamentares, o MDB tem dez com pendências judiciais. (Leia a matéria completa aqui)