Futebol – Campeonato feminino começa dia 15

A Federação Amapaense de Futebol (FAF) confirma o início do Campeonato Feminino para o dia 15 de novembro (sexta-feira), com as primeiras disputas entre Ypiranga/Oratório e Santana/Trem, no campo do Santos- AP, em Macapá.

Este ano, nove clubes disputam, divididos em duas chaves. Na Chave A estão Ypiranga, Oratório, Liga de Cutias, MV-13 e Esporte Clube Macapá. Compõem a Chave B os times do Trem, Santana, Liga de Amapá e Combatente Atlético Clube.

Locais
Com a suspensão de atividades no Estádio Zerão para recuperação da grama, os jogos dessa temporada serão realizados no campo do Santos –AP, em Macapá,  e no Estádio Augusto Antunes, em Santana.

A  final será dia 11 de dezembro no Estádio Augusto Antunes.

(Comunicação/FAF)

Futebol de luto – Bill Maravilha perde o pênalti da vida

Grande craque na década de 1970, faleceu na tarde de hoje o ex-jogador Bill Maravilha – um dos maiores goleadores do futebol amapaense.
Bill tinha 63 anos de idade. Informações que chegam ao blog dão conta que ele passou mal em casa, foi levado ao Hospital de Emergência mas não resistiu a um infarto fulminante, perdendo um definitivo pênalti da vida.
O corpo está sendo velado na sede do MV-13 (Odilardo Silva, Bairro do Trem) e o sepultamento será amanhã.Bill Maravilha jogou no Macapá, Santana e Ypiranga Clube. Foi neste último que passou mais tempo e se tornou ídolo da torcida. Ele fez parte também da seleção amapaense.
Baixinho, mas super veloz, Bill não perdia uma oportunidade de fazer gol. Brincava com a bola e esta lhe obedecia sem contestar. Foi realmente um grande craque.
Na juventude fui sua amiga e, como repórter esportiva na época, entrevistei-o várias vezes. Nos últimos anos poucas vezes encontrei o Bill e nesses raros encontros o assunto sempre era futebol. Rememorávamos suas inesquecíveis jogadas e os tempos áureos do futebol tucuju.
Mas, às vezes, também se trocava o bate-papo sobre futebol pelo bate-papo poético. A foto acima é um registro da presença no craque no Movimento Poesia na Boca da NoiteBill e Dayse Pelaes num entardecer na calçada da casa do escritor César Bernardo em encontro do Movimento Poesia na Boca da Noite. Ele acompanhava atentamente as performances poéticas.

Campeonato amapaense sub-15 começa dia 6

Os coordenadores de times receberam as bolas oficiais do Amapazinho, que serão utilizadas nos treinos

O Campeonato de Futebol da categoria sub-15 desse ano começa dia 06 de julho e reúne jovens de até 15 anos que representam os cinco clubes profissionais do Amapá. Nesta terça-feira, 18, a Federação Amapaense de Futebol (FAF) e coordenadores dos times discutiram os detalhes da competição e as novidades desse ano.

Antes do lançamento do campeonato, a FAF vai realizar a “Semana do Amapazinho” para discutir sobre mudança de regras, sistema de arbitragem adotado e novidades de mídia.

Como o Amapazão, nosso futebol de base também precisa de apoio e incentivo. Com a semana de preparação que está programada, nossos jovens craques podem ganhar mais confiança para competição”, diz Netto Góes, presidente da FAF.

Assim como no campeonato profissional, o sub- 15 também terá todas as suas partidas transmitidas pela TV FAF e o vencedor amapaense tem direito a uma vaga no Campeonato Nacional de Futebol de Base, com treinos e hospedagem na Granja Comary, centro de treinamento da Seleção Brasileira de Futebol, no Rio de Janeiro.

Além de dar visibilidade aos jogadores da categoria, essa oportunidade os colocará em contato com o melhor do nosso futebol”, explica Claudemir Thomaz, delegado do campeonato.

A final do sub- 15 está prevista para o dia 26 de agosto, no Zerão.

(Texto e foto: Marcelle Nunes/FAF)

Eles brilharam no Glicerão

Timaço do Santana Esporte Clube, o Canário Milionário
Em pé da esquerda para a direita: Mundico, Alvaro (Mascarado) Sabá, Rui, Zé Breca e  Mussuin
Agachados da esquerda para a direita:  Coco, Escangalhado, Palito,  Haroldo Pinto e Carlitinho.

(Foto: Acervo do Haroldo Pinto Pereira)

Eles brilharam no Glicerão

Olha só esse timaço do São José. Era uma verdadeira máquina nos anos 70.
Vamos identificar esses craques?
Eu começo: em pé, da esquerda para a direita: Temica, Haroldo Pena, Zezinho Macapá … continuem.
E ganha um litro de açaí do grosso quem acertar quem é o repórter que está entrevistando um dos craques. Perceberam o modelito dele? Ele usa calça quadriculada. Não. Não ria! Naquele era época não era cafona. Ele estava super na moda 🙂