O talento do Amapá no estádio Mané Garrincha

ralfe1

O estádio  Mané Garrincha, em Brasília, ficou mais bonito com as obras de arte do artista plástico amapaense Ralfe Braga.
As obras, que retratam os principais monumentos da capital federal, foram encomendadas para dar uma nova dimensão criativa em formas e cores, oportunidade em que o artista expõe sua característica marcante: a profusão de cores próprias de quem vive em linhas tropicais.
A partir de agora, quem for ao estádio ou  mesmo assistir jogos pela televisão vai poder apreciar e se encantar com a obra de Ralfe, um amapaense  que faz parte do time dos mais talentosos artistas plásticos brasileiros da atualidade.

ralfe3

  • Ralfe Braga já é um grande artista internacional. Conheço uma parte dos trabalhos dele – são lindas obras de arte. Fez, recentemente, a arte do CD da cantora Emilia Monteiro – “CHEIA DE GRAÇA” que ficou lindo!

  • Alcinéa é informação e cultura. Eu não sabia que era obra de um amapaense. Quando vieres a Brasília, me avisa.

  • Não foi isso que no Programa do Fantástico do ultimo domingo falou. Torcedores entrevistados meteram pau na arquitetura do Estádio Mané.

    • Quem não entende de arte e nem sabe ao menos apreciá-la,faz isso ai.
      Parabéns ao artista e a arte de fazer arte,muito bacana e linda de viver.

    • Arte é assim mesmo: agrada uns, incomoda outros; é amada e desprezada. E pensar que Van Gogh vendeu apenas um quadro em vida e as obras de Franz Mark foram consideradas um lixo na visão de Hitler. Particularmente, eu me identifico mais com os maneiristas, mas não desprezo outros estilos. Se não gosto, me calo. Se gosto, elogio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *