• Já foi melhor. No meu tempo, não se via foliões “à paisana”. Todo mundo fantasiado. Até o Nelquesi, um cara criativo, está sem fantasia. Tenho que voltar a curtir o carnaval em Macapá para ver se os brincantes criam ânimo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *