Sambistas mirins

Crianças e adolescentes aprendem a dar os primeiros passos no samba na Escolinha Falconery de Sena,  que faz parte do projeto cultural da Universidade de Samba Boêmios do Laguinho. Coordenado por Alessandra Azevedo, a escolinha  tem hoje oito casais  de mestre-sala e porta-bandeira mirins, de 5 a 14 anos que irão desfilar na Ivaldo Veras.

Criada no ano passado, a escolinha ensina passos e coreografias para passistas e sambistas, e encaminha também para a bateria Pororoca. O ano inteiro os integrantes da escolinha ensaiam e participam de apresentações fora do Boêmios e, nesta época de carnaval, mostram seus talentos toda sexta-feira no ensaio da Universidade. (Mariléia Maciel)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *