Fiscalização apreende macaco, jabuti, preguiça e 1,5 tonelada de pescado

Uma ação conjunta do Instituto do Meio Ambiente e de Ordenamento Territorial do Amapá (Imap) e Batalhão Ambiental da Polícia Militar, apreendeu nesta quinta-feira, 24, no Porto de Santana, 1,5 tonelada de mapará, aracu, curimatã, pescada, acará e apaiari, espécies de peixe cuja pesca está proibida por estarem no período de defeso.
Todo esse pescado – além de preguiça e macaco abatidos,  e vários jabutis – estava em em uma embarcação vinda de Santarém (PA).
O pescado apreendido foi doado para a Casa da hospitalidade, em Santana, e ao Abrigo São José, em Macapá. Os animais silvestres serão avaliados pela Vigilância Sanitária do municipio de Santana e, em seguida, serão doados para o consumo animal; os jabutis serão reinseridos na natureza.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *