LMTE lança hoje edital para incentivar projetos sociais, ambientais e culturais

A Linhas de Macapá Transmissora de Energia (LMTE) lança hoje (17/01) edital para captar projetos destinados à promoção de ações de melhoria para o desenvolvimento socioambiental de bairros dos municípios de Macapá e Laranjal do Jari, no Amapá. Poderão participar empreendedores sociais, associações de bairro, organizações sociais e/ou escolas municipais instalados nessas cidades.

O incentivo total será de 40 mil reais, que serão distribuídos para os quatro projetos a serem selecionados (dois em cada município). Cada um receberá 10 mil reais para implementar sua iniciativa que pode ser relacionada à preservação ambiental, alimentação, esporte, cultura e lazer, tais como reforma de biblioteca comunitária, oficinas sobre produção e consumo de alimentos saudáveis, ações de estímulo para prática de atividades físicas, eventos públicos para realizar atividades culturais, conservação de áreas verdes, limpeza de áreas urbanas, plantio de árvores, entre outros.

Cada proponente poderá inscrever até três projetos. O edital está disponível para consulta no site ( http://geminienergy.com.br/projeto-macapa.html ) e no LinkedIn ( linkedin.com/company/geminienergy ) da empresa. As inscrições estão abertas até o dia 7 de fevereiro e só serão aceitas pelo link: https://pt.surveymonkey.com/r/PLGNFDN

Os projetos/iniciativas apresentados podem solicitar recursos para a aquisição de itens essenciais para realização das atividades, compra de materiais para a execução de pequenas reformas e adaptações para espaços de uso coletivo e contratação de profissionais / equipe técnica para realização das atividades propostas.

Os candidatos devem cumprir todos os requisitos estipulados no edital. Caso não cumpram a desclassificação será imediata à avaliação dos requisitos. Não serão aceitas inscrições de proponentes classificados como fundações ou instituições empresariais, clubes e/ou agremiações esportivas, organizações com fins religiosos, funcionários, colaboradores ou familiares do grupo Gemini Energy, empresa que administra as linhas de Macapá (LMTE), de Xingu (LXTE) e de Taubaté (LTTE).

(Keila Góes)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.