Samu recebeu mais de 20 mil trotes em 2018

De acordo com o levantamento da central de atendimento do Samu, de janeiro a novembro do ano passado, foram 20.473 trotes, sendo os últimos meses, o período mais crítico. O número representa um aumento de 11,13% em comparação com o mesmo período de 2017 (18.194)  Em setembro, outubro e novembro de 2018 foram mais de 2 mil trotes.

Segundo o coordenador do Samu, Ademar Rodrigues, esse tipo de “brincadeira”, pode comprometer o resgate de uma vida. “Com tantos trotes, nossos servidores já têm uma certa experiência em identificá-los, mas os que acabam passando, resultam no deslocamento de uma equipe para prestar socorro a um chamado falso. Quando isso acontece, quem realmente precisa ser socorrido, infelizmente, corre risco de morte”, explicou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *