Vandalismo

Vândalos picharam a escultura do professor Antônio Munhoz colocada há poucos dias, mais precisamente no dia 31, no Largo dos Inocentes. O ato de vandalismo aconteceu dois dias depois.
Ontem a pichação foi removida, porém uma parte da pintura original saiu junto.
A escultura – feita pelos artistas do grupo Urucum – retrata os professores Munhoz e Zaide conversando num banco de praça. Foi uma homenagem da Prefeitura de Macapá a esses dois ícones da educação e da cultura amapaense.
“A escultura e o local em que foram colocadas simbolizam um conceito de territorialidade da cultura tradicional na zona urbana da nossa cidade do qual do Largo dos Inocentes faz parte,  local que os dois gostavam muito”, explicou a então presidente da Fumcult, Marina Beckman, no dia 31.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *