25 garipeiros acometidos de gripe H1N1

Até ontem foram confirmados 25 casos de gripe H1N1 em garimpeiros que exploram ouro  na Guiana Francesa (Departamento da França que faz fronteira com Amapá).
São garimpeiros clandestinos e grande parte é formada por brasileiros.

Os casos começaram a ser detectados na sexta-feira, quando oito garimpeiros foram levados de Maripasoula para Cayenne com diarreia, insuficiência respiratória, tremores, febres e dores abdominais. Inicialmente, os médicos da Guiana Francesa não conseguiram diagnosticar a doença e disseram tratar-se de uma “étrange épidémie”. O jornal France-Guyane noticiou que “sur le site d’orpaillage clandestin dont ils proviennent, des personnes seraient mortes de cette maladie inconnue.”
Depois de uma série de exames e análises, a Agence régionale de santé (ARS) divulgou ontem tratar-se de gripe H1N1 associada à gastro-enterite.
Dos garimpeiros doentes, 11 estão internados no hospital de Caiena e 14 estão no ginásio do Maripasoula.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *