Assalto com reféns em loja do bairro Beirol

Embora a Secretaria de Segurança Pública do Estado assegure que a violência está diminuindo consideravelmente no Amapá, o que se vê é diferente do discurso oficial.
Todos os dias, toda hora, acontecem roubos, homicídios,  assaltos com reféns e assaltos seguidos de morte. Os bandidos estão por toda parte, invadindo residências, praticando assaltos nas ruas, praças, lojas… A insegurança toma conta da capital, Macapá.
Agora mesmo está acontecendo um assalto com reféns em um estabelecimento comercial do bairro Beirol.
O jornalista Ney Pantaleão, que está no local, conta que os bandidos entraram no Lojão do Padeiro (Av. Guaranis com a rua Manoel Eudóxio) e de armas em punho anunciaram o assalto. Alguns funcionários da loja conseguiram fugir e chamaram a polícia, outros estão sendo mantidos como reféns. “A área  já está cercada por policiais do BOPE e BRPM. Um bandido foi preso e dois continuam dentro do estabelecimento”, informa o jornalista.
Um parente de um dos bandidos foi chamado pela Polícia para convencer a dupla a se entregar.
“O clima aqui está muito tenso”, disse Ney Pantaleão ao blog.

fotoFoto: Ney Pantaleão

  • A bandidagem está aumentando exponencialmente. O BOPE não tem que dar refresco. Tem andar para o inferno esses safados.

  • Sempre se leva tudo no Amapá para o lado político. É chato assalto, claro que é, mas é o preço que se paga pelo chamado progresso em qualquer lugar do mundo. Assaltos vão contihuar ocorrendo, o que precisa é ter uma polícia para agir com rapidez e eficiência para prender os bandidos na hora em que for chamada, e a população se precaver mais e entender que não moramos numa vila.

  • A nossa sorte é que temos o BOPE. E ainda tinha um degalado que queria a sua extinção, durma-se com um barulho desse.

  • Sem contar os outros assaltos com reféns que não estão sendo divulgados, mas que a população tomou conhecimento.

  • Dados para a estatística do secretário, é arrogante mas vou colaborar:
    Dia 04/03/2013 – Assalto (mão armada) cliente saindo da loja Benoliel Baby no Trem, por volta de 18:30 horas;
    Dia 13/03/2013 – Assalto (arma branca) as proximidades do Banco do Brasil da Av. Leopoldo esquina com a Av. Duque de Caxias;

  • Os assaltos só não acontecem na casa dele e com ele, pois é cercado de segurança do estado pagos com o nosso dinheiro, enquanto nós amapaenses ficamos a mercê da marginalidade.

  • Os assaltos só não acontecem na casa dele, afinal segurança do estado ele tem a disposição. Mas nós amapaenses somos surpreendidos todos os dias com assaltos, tráfico de drogas, violência desenfreada, enfim… só Deus para nos proteger!

  • E recentemente o Secretário de Segurança Pública teve a cara de pau de dizer no programa do Melo que a violência está diminuindo, onde este sonhor mora? Talvez ele estaja embasado por números ficitícios para agradar o patrão que faz um governo terrível, seja na educação, saúde e segurança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *