Barulhento foi parar na cadeia

Do blog do repórter policial João Bolero Neto

HOMEM FOI PARA O IAPEN POR PRATICAR POLUIÇÃO SONORA

Um alerta para os barulhentos, mais precisamente para aqueles que perturbam a vida dos outros com o som alto. O infrator foi o RICHARD ROSSI DE ALMEIDA FERREIRA (28), residente em Santana. Ele infringiu o Art. 42 da Lei 3.688, que trata de poluição sonora. O problema é que ele após ter sido indiciado na delegacia de polícia, onde foi feito o TC, não compareceu perante o Juiz para receber sua pena, em face disso, o Juiz decretou a prisão dele para o IAPEN, o que foi cumprido nesta quarta-feira pela Equipe da Captura da Polícia Civil, sob o comando do Delegado Frederico Murta.

  • Esses barulhentos desqualificam o trabalho da fiscalização. O cidadão reclama do barulho principalmente daqueles carros aparelhados, a polícia quando chega ao local (isso quando apura) os vagabundos diminuem o som para ludibriá-lo e fica por isso mesmo sem fazer absolutamente nada para puni-los. Cadeia para os maus feitores!

  • Se esta moda pega!!! kkkk Coitado do IAPEN.
    Eu mesmo tenho uns 15 nomes para indicar.
    Tem gente que compra o som mais potente (caixa amplificada) na loja e ao invés de escutar dentro de casa, coloca a caixa na varanda e esfola no último volume, pode!!
    Nem freud explica.

    • Aqui pode e é oque + se ver nestas terras Tucujus.Pobre pode até não ter oque comer,mas tem um bom son p/esfolar.
      Nada contra os evangélicos,mas oque este povo grita,não é brinquedo não.Deus já deve estar usando tampão nos ouvidos por conta disto.AFF!

      • É isso aí. Certo dia fui comprar um carro e disse a vendedora que queria um seguro para o mesmo, a vendedora ficou surpresa com minha preferencia e me disse que aqui as pessoas preferem comprar um som bem potente que é muito mais caro que um seguro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *