Big Brother municipal

Prefeitura de Macapá assinou nesta quarta-feira  contrato com a empresa New Line Sistemas de Segurança para instalação de vigilância eletrônica 24 horas em 170 pontos da cidade.São 2.680 câmeras que serão instaladas. Além das câmeras os equipamentos possuem  sensores infravermelhos e  sirenes de alarme.
De acordo com a Prefeitura “a intenção é trabalhar a prevenção da guarda do patrimônio público e de pessoas em escolas, Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) e prédios da administração municipal”.

secretário municipal de Administração, Carlos Michel Fonseca, enfatiza que trata-se de um projeto inovador que mescla a vigilância armada com a eletrônica. . A empresa garante que com as duas vigilâncias (armada e eletrônica) haverá muito mais eficiência na guarda do patrimônio público e da população.
O contrato, no valor de R$ 3,5 milhões, tem validade de um ano.

  • Primeiro deveriam fazer o básico. O feijão com arroz. Uma cidade repleta de buracos. Cheia de animais nas ruas. Calçadas tomadas por comércio. Inúmeros terrenos abandonados (de especuladores irresponsaveis) e tantas outras coisas elementares pra se fazer. Bola fora!

  • Esse é o sonho de qualquer régulo totalitário. Essa é a esquerda socialista de um discurso e outra prática. Parabéns, babacas!

  • Vamos torcer que não seja igual a praça conectada, pois não funciona, nas praças têm somente as antenas e as contas que o governo paga todos os meses.

  • Valor muito acima do mercado em relação ao período de um ano somente.Os equipamentos ficam com a Prefeitura??qual número do processo licitatório??quantas empresas participaram ??

    Repito e provo:o valor está muito acima do valor de mercado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *