Estudantes e o universo da pesquisa agropecuária

embrapa1

O universo da pesquisa agropecuária, especialmente dos estudos sobre solos, aquicultura e aquaponia (sistema de produção que associa criação de peixes ou crustáceos com vegetais), foi apresentado pela Embrapa Amapá a um grupo de 47 alunos de ensino fundamental e professores da Escola Universidade da Criança (Ucri), localizada no bairro Pacoval, em Macapá (AP). A programação constou de palestra interativa no Auditório Marabaixo, apresentada pelo pesquisador Nagib Jorge Melém Junior, destacando a importância dos solos como componente do ecossistema terrestre essencial para a vida; visita monitorada aos galpões de cultivos de peixes e tracajás, e sistema experimental de aquaponia, com atendimento dos pesquisadores Marcos Tavares e Jô de Farias Lima, e do analista Daniel Montagner.  

Os estudantes receberam exemplares da publicação “Desafios da Ciência”, editada pela Embrapa especialmente para o público infanto-juvenil. Esta é uma ação do programa Embrapa & Escola, que tem como objetivo oferecer orientação a estudantes sobre a importância da Ciência & Tecnologia para a qualidade de vida do cidadão brasileiro e restabelecer e fortalecer os laços que unem os ambientes urbano e rural.

embrapa2

A professora Josely Costa de Souza, responsável pela disciplina de Ciências, disse que a realização de atividades alusivas ao projeto anual de estudos sobre os solos e a água, em sala de aula, motivou a busca por referências na área da pesquisa. “Sabemos que a Embrapa desenvolve trabalhos de forma eficiente no nosso estado. E como nossos alunos estão focados nos estudos sobre solos, vir ao centro de pesquisa significa a complementação dos estudos na escola”, explicou a professora da turma de sexto ano. A programação foi estendida às turmas de sétimo e oitavo ano, totalizando 47 anos das três turmas. “Na sala de aula abordamos os tipos de solos, quais as técnicas de coleta dos solos, como plantar uma muda, tipos de técnicas de irrigação e drenagem, além dos aspectos da adubação e prevenção de doenças que o solo adquire. E tudo isso foi muito bem complementado com apresentação na Embrapa, do ponto de vista da pesquisa agropecuária”, acrescentou Josely Souza.

A coordenadora pedagógica da Escola UCRI, professora Ivonete Teixeira, enfatizou o conhecimento obtido por meio da aula de campo na Embrapa, beneficiando a relação ensino-aprendizagem dos alunos e professores que participaram da programação. “Nesse ano de 2016, a UCRI reverencia a água e toda a riqueza e desenvolvimento que o ouro azul traz para o Planeta. Diante isso, a água e os solos são enfatizados na disciplina de Ciências, no sexto ano. Então, a gente oportuniza também um avanço para os alunos de Química, do oitavo ano, porque trata-se de um elemento químico, e também para os alunos de Biologia do sétimo ano, que já viram os assuntos água e solos em sala de aula.  O conteúdo da Embrapa ficou excelente, a equipe técnica entendeu bem a nossa proposta, pois a escola não apenas visita, mas principalmente complementa os temas já trabalhados em sala de aula”, explicou a coordenadora pedagógica. Também participaram da aula de campo na Embrapa, a professora Priscila Coutinho (Matemática), o professor Erick Dantas (ginástica cerebral) e a assessora administrativa Valéria Figueiredo.

A analista de comunicação, Aline Furtado, responsável pelo Embrapa & Escola no âmbito da Embrapa Amapá, explicou que o programa funciona desde 2006, gerenciado pela Secretaria de Comunicação (Secom) da Embrapa, em Brasília. “Nós recebemos as escolas que demandam atividades da Embrapa para este público específico, que são alunos de ensino fundamental e médico. Reunimos o corpo técnico para elaborar uma programação de acordo com o perfil e necessidades da escola, a faixa etária dos alunos e realizamos juntos.  Podemos incluir também visitas técnicas aos campos experimentais e laboratórios”, detalhou Aline Furtado. Na ocasião da visita da Escola Ucri, ela apresentou aos alunos e professores o site Contanto Ciência na Web (http://ccw.sct.embrapa.br) desenvolvido em linguagem adequada ao público infanto-juventil contendo textos, jogos, vídeos e outros atrativos para facilitar a aprendizagem de temas complexos.

embrapa3

Escola Ucri – A Escola Ucri começou a funcionar em 1999, com a missão de proporcionar ao educando a formação necessária ao desenvolvimento das suas potencialidades como elemento de auto-realização para o exercício da cidadania. Pauta sua ação nas abordagens sócio-construtivistas e humanista que concebem o conhecimento como algo a ser construído pelo indivíduo na interação com o mundo, atuando como sujeito, considerando também os aspectos: cognitivo, emocional e social, sem perder de vista a possibilidade de sonhar, criar e realizar. Desenvolve ações pedagógicas de produção de conhecimento e ações pautadas no desenvolvimento do potencial humano, na convivência dos valores universais. Por meio da diversidade de experiências, a Escola Ucri propicia autonomia, iniciativa, criatividade e construção de conhecimento.

(Texto e fotos: Dulcivânia Freitas/Ascom-Embrapa)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *