Mais voos para Macapá

Macapá contará com mais uma linha aérea. O anúncio ocorreu na manhã desta segunda-feira, 21, durante visita do prefeito de Macapá, Clécio Luís, senador Randolfe Rodrigues e o vice-presidente da MAP Linhas Aéreas, Marcos Pacheco, ao gabinete do governador do Amapá, Camilo Capiberibe.

A instalação da MAP no Estado é mais uma articulação do senador Randolfe Rodrigues, que colaborou diretamente com a implantação de mais duas empresas, a Sete e a Azul. A expectativa é que tão logo, com a autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), a MAP opere com voos diários na rota Macapá/Belém/Macapá, além de três voos semanais de Macapá/Guiana Francesa. Esse processo deverá ocorrer até o final de novembro.

O vice-presidente Marcos Pacheco afirmou que a empresa também realizará um estudo de viabilidade econômica para os voos Macapá/Oiapoque.“Nosso papel é oferecer alternativas de transporte, e assim trabalharemos garantindo diferencial em preço e qualidade de serviço”.

A empresa utilizará aeronaves ATR 72, com capacidade para 70 passageiros. Com mais esta opção, Macapá passa a ter 13 voos realizados por cinco empresas (TAM, GOL, Sete, Azul/Tripe e MAP), as quais atendem 1,4 milhão de passageiros por ano.

O senador Randolfe Rodrigues comentou o atual cenário de crescimento na aviação do Estado. “Há dois anos, tínhamos apenas 2 empresas operando com 5 voos. Neste pequeno período, dobramos a nossa capacidade e oferta. O que mostra que a vinda de mais uma empresa garantirá concorrência e, consequentemente, preços mais baixos”.

Durante a visita, o senador Randolfe Rodrigues também fez o anúncio da instalação do segundo posto de combustível no Aeroporto de Macapá, fruto de articulação realizada em janeiro, durante agenda no Rio de Janeiro, com a Petrobras. “Nos próximos meses, teremos a instalação do BR Center, garantindo mais uma opção de abastecimento para as aeronaves, além de estimular a concorrência dos preços, pois contávamos apenas com a Empresa Shell”.

O prefeito Clécio Luís demonstrou total apoio à instalação da empresa, além de parabenizar a iniciativa de Randolfe Rodrigues. “Vivemos diante de um cenário de crescimento, não apenas populacional, mas de investimentos, de acreditar e investir no potencial da nossa cidade. Iniciativas como esta, se tornam propulsores econômicos para nossa cidade”.

A MAP Linhas Aéreas é uma empresa brasileira sediada em Manaus (AM), sendo do Grupo MAP (Manaus Aerotáxi Participações). Usa aeronaves modelo ATR 42 e ATR 72 que, a partir de novembro, atenderão 12 novas localidades.

(Lílian Guimarães/Asscom PMM)

  • Mesmo operando em 01 trecho(Macapá/Belém),já tá de bom tamanho.Tirar da Gol e Tam essa exclusividade, é uma taca bem dada nestas,se acham. Blz seria, se os destinos fossem ampliados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *