Movimento reúne 16 mil assinaturas pela intervenção federal no MA

Os Senadores da Comissão de Direitos Humanos, Ana Rita (PT/ES), Humberto Costa (PT/PE), Randolfe Rodrigues (PSOL/AP) e João Capiberibe (PSB/AP) receberam, ontem pela manhã, 16 mil assinaturas da petição que pede ao Procurador-geral da República, Rodrigo Janot, a intervenção federal no Maranhão.
O abaixo-assinado, até a data de ontem, teve mais de 4.150 compartilhamentos via Facebook, 221 tweets, 39 socializações via Orkut e foi enviado através de 340 e-mails, totalizando até 16.785 assinaturas confirmadas, em 13/01/2014.
As assinaturas foram entregues na audiência pública da Comissão, realizada junto às organizações sociais, na sede da OAB/MA.
A proposta de intervenção federal, com o afastamento da governadora Roseana Sarney, aliada a outras propostas como federalização dos crimes que ocorrem nos presídios, implosão da Casa de Detenção (CADET),  a implantação de um novo método de ressocialização, a apuração dos crimes cometidos dentro das penitenciárias, a realização de concurso público para o cargo de agentes penitenciários e policiais, dentre outras, está sendo apoiada por diversas entidades de luta pelos direitos humanos.
Na foto, o professor Franklin Douglas, do Observatório de Políticas Públicas e Lutas Sociais da UFMA (vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Políticas Públicas/UFMA), entrega as 16 mil assinaturas aos senadores da comissão de direitos humanos.
  • Acho que ele está inclusive ligando para o Camilo (no canto esquerdo) para ver se melhora sua gestão por aqui senão o próximo pedido de intervenção pode ser no Amapá, kkk.

  • Ele não faz nada, e procura aparecer na mídia através de tragédias veinculadas na TV. Porque ele não se manisfestou com as tragédias ocorridas em São Paulo e Rio de Janeiro?

  • O Senador Capiberibe, deveria era cuidar dos interesses do povo do Amapá e não dos seus interesses políticos.

  • Eu já até tinha feito um comentário ar respeito do Senador João Capiberibe, por ele está lá no Maranhão dizem que seu trabalho têm haver com os direitos humanos, só que todos sabem que a Governadora do MA, é filha do Senador Sarney pelo AP. Se ele fosse tão eficaz no seu trabalho deveria saber que o Amapá não está muito bem administrado e que a falta de segurança, nos presídios daqui andam do mesmo jeito. Só lembrando que ele é pai do governador do Amapá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *