Plantas que afastam insetos

Em tempos de tanto carapanã,  muriçoca, moscas e mosquitos é bom ter em casa algumas plantinhas, tão fáceis de cultivar, mas que são nossas fortes aliadas  para mantê-los longe.
No site Lar Natural, encontrei esta matéria e compartilho com os leitores do blog

Citronela
Plantas-que-afastam-mosquitos-citronelaO cheiro da citronela afugenta os insetos e lembra muito o do limão. A planta é superperfumada, há quem ame e há quem não goste tanto, mas uma coisa é certa: ela funciona como uma espécie de barreira para os insetos! Você pode tê-la em vasos ou no jardim, ela gosta de sol

Manjericão
Plantas-que-afastam-mosquitos-majericãoSurpresa! Esta delícia culinária que deixa os pratos mais perfumados tem um cheiro desagradável para os insetos! Então, além de render pratos deliciosos, o manjericão ajuda a afugentar insetos indesejáveis como mosquitos e pernilongos.

Fácil de cultivar: quatro horinhas de sol por dia, um solo bem fértil com adubo orgânico e potinhos com furinhos para drenar o excesso de água.

Erva-cidreira
Plantas-que-afastam-mosquitos-erva-cidreiraRende um chá calmante gostosinho e põe os insetos para correr. A erva-cidreira pode ser facilmente cultivada em casa, mesmo por quem não tem muito espaço. Basta receber sol e regar de 2 a 3 vezes por semana, vasinhos com furinhos para drenar o excesso de água são bem-vindos!

Cânfora
Plantas-que-afastam-mosquitos-canforaEsta é uma velha conhecida de quem gosta de medicina natural, quem nunca viu nas farmácias (até mesmo nas comuns) pomadas e unguentos à base de cânfora para tratar dores nas pernas e picadas, entre tantas outras utilidades? Tem ação fungicida e repelente, pode ser plantada em vasinhos, precisa receber sol e ser regada de 2 a 3 vezes por semana, cuidado para não encharcar a terra.

  • varias dessas plantas Medicinais e outras mais , vai fazer parte de meu futuro livro sobre as plantas . Bom saber

  • Bom saber que essas plantas têm todos esses poderes de defesa além dos já conhecidos curativos. E mais. São todas acessíveis e regionais.

    Parabéns pelas informações!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *