Plantas que afastam insetos

Em tempos de tanto carapanã,  muriçoca, moscas e mosquitos é bom ter em casa algumas plantinhas, tão fáceis de cultivar, mas que são nossas fortes aliadas  para mantê-los longe.
No site Lar Natural, encontrei esta matéria e compartilho com os leitores do blog.

CitronelaO cheiro da citronela afugenta os insetos e lembra muito o do limão. A planta é super perfumada, há quem ame e há quem não goste tanto, mas uma coisa é certa: ela funciona como uma espécie de barreira para os insetos! Você pode tê-la em vasos ou no jardim, ela gosta de sol

ManjericãoSurpresa! Esta delícia culinária que deixa os pratos mais perfumados tem um cheiro desagradável para os insetos! Então, além de render pratos deliciosos, o manjericão ajuda a afugentar insetos indesejáveis como mosquitos e pernilongos.

Fácil de cultivar: quatro horinhas de sol por dia, um solo bem fértil com adubo orgânico e potinhos com furinhos para drenar o excesso de água.

Erva-cidreiraRende um chá calmante gostosinho e põe os insetos para correr. A erva-cidreira pode ser facilmente cultivada em casa, mesmo por quem não tem muito espaço. Basta receber sol e regar de 2 a 3 vezes por semana, vasinhos com furinhos para drenar o excesso de água são bem-vindos!

CânforaEsta é uma velha conhecida de quem gosta de medicina natural, quem nunca viu nas farmácias (até mesmo nas comuns) pomadas e unguentos à base de cânfora para tratar dores nas pernas e picadas, entre tantas outras utilidades? Tem ação fungicida e repelente, pode ser plantada em vasinhos, precisa receber sol e ser regada de 2 a 3 vezes por semana, cuidado para não encharcar a terra.

  • Boa tarde amiga Alcinéa Cavalcante, obrigado pela postagem, de fato essas plantas são maravilhosas, que bom saber dessa utilidade delas também. Na verdade, eu só tinha conhecimento dessa função, da primeira ( citronela); das outras não. Portanto, é muito bom saber!
    Dessa forma, vou procurar cultivá-las com esse objetivo também! Abraço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *