STJ nega pedido liminar para suspender utilização de provas da Operação Eclésia

Do portal do MP

A ministra Diva Malerbi, desembargadora convocada para o Superior Tribunal de Justiça (STJ), indeferiu o pedido liminar, ingressado pelo presidente afastado da Assembleia Legislativa do Amapá (ALEAP) Moises Souza para sustar a utilização do produto apreendido na Operação Eclésia, nas ações penais propostas pelo Ministério Público do Amapá. (Leia mais)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *