Sueli Pini assume a presidência do Tribunal de Justiça do Amapá

Pela primeira vez em sua história, o Tribunal de Justiça do Amapá é presidido por uma mulher.
Sueli Pini, que ingressou na magistratura do Amapá por meio de concurso público para o cargo de juiz em 1991, foi empossada quinta-feira no cargo de presidente do TJAP. Na mesma Sessão Solene, o ex-presidente do TRE, desembargador Raimundo Vales foi empossado vice-presidente e  o ex-presidente do TJAP, desembargador Carmo Antonio, assumiu a corregedoria-geral.

posse_gestao2015_210Sueli Pini ladeada pelos desembargadores Carmo Antonio e Raimundo Vales
(Foto: Ascom/TJAP)

Sueli, 55 anos, tem uma bela história de luta por justiça, principalmente em defesa das minorias e de comunidades mais distante dos centros do poder.
Seu trabalho na Justiça Itinerante – que leva os serviços da Justiça em um barco para comunidades ribeirinhas – ficou conhecido em todo o país, ganhou amplo espaço nos maiores veículos de comunicação do país. E ela disse que agora como presidente do TJAP poderá  implementar mais ainda Justiça itinerante.

No seu discurso de posse, Sueli deixou claro que quer um judiciário mais humanizado e enfatizou que entre suas metas estão  a agregação da Justiça itinerante a uma vara específica; implementar ainda mais a política de conciliação e retomar as audiências públicas para escutar a sociedade. “Madre Tereza de Calcutá nos ensina que o trabalho é a distração mais bela”, disse a nova presidente. E ressaltou: “Temos muito trabalho e nós gostamos de trabalhar, que bom que ele existe, porque seria um tédio sem ele.” Ela  conclamou magistrados, servidores e desembargadores a fazer uma Justiça realmente justa e  melhor.

(P.S. – Sueli Pini é uma mulher de luta, de fibra. Ela me representa. Desejo a ela uma excelente gestão e que ao final de seu mandato possamos continuar nos orgulhando dela assim como nos orgulhamos de Ivana Cei que esta semana encerrou sua gestão à frente do Ministério Público Estadual depois de quatro anos de um trabalho incansável contra a corrupção que assolava este Estado)

  • Parabéns Sueli por esta grande conquista, reconheço na senhora verdadeiramente os valores e os princípios que deveriam nortear a atuação de todos os poderes.

    Por defender tais valores sua gestão enfrentará muitas dificuldades, pois as forças corruptas e retrógradas da política e do próprio judiciário farão de tudo que sua atuação não tenha êxito.

    Tenha força e mantenha a fé e a esperança. Tenha também a certeza de que não estará sozinha nesta batalha e muitos bons guerreiros e guerreiras estarão ao seu lado na luta por um Amapá melhor para todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *