O lançamento da coletânea Poesia na Boca da Noite

 

A poesia amapaense foi o destaque desta terça-feira no estande da Editora Perse na Bienal Internacional do Livro com o lançamento da coletânea Poesia na Boca da Noite.
Em lugar de destaque na vitrine e mesas e nas telas de Ipad, o livro chamava a atenção. Poetas e escritores de vários estados estiveram no estande para conhecer o grupo de poetas do “tão distante Amapá”. E tanta gente parabenizou o grupo, tanto pela qualidade da poesia produzida no Amapá como pela alegria.

As crianças eram uma atração à parte. Professores, escritores, poetas e amantes da literatura demonstraram surpresa com “tanta criança no Amapá se dedicando à poesia”. Mais: poesia de qualidade indicando que se continuarem nesse caminho dentro de algum tempo passarão a ser reconhecidos em todo o país.

O Movimento Poesia na Boca da Noite ganhou a simpatia de todos também pela alegria. E, além de declamar, cantou e dançou marabaixo e falou da cultura e culinária amapaenses. Os pergaminhos enfeitados com caroços de açaí era a deixa para se falar como é o nosso açaí, como é tomado e como desenvolve a economia local.

A cantora Oneide Bastos tirava o ladrão e todos cantavam e dançavam marabaixo

Poetas de outros estados manifestaram o desejo de visitar o Amapá para viver a experiência de declamar sobre o Pano da Poesia à beira do mais belo rio do mundo na cidade onde “a lua minguante brilha mais que a lua cheia de qualquer outro lugar”. Há também propostas de se fazer intercâmbio e todos receberam convite do escritor, poeta e jornalista Valdeck Almeida de Jesus para participar de antologias e concursos organizados por ele. Valdeck é baiano, tem vários livros publicados e é membro da Academia de Cultura da Bahia.

A Editora Perse já convidou o Movimento Poesia na Boca da Noite para a próxima Bienal. E claro que aceitamos o convite, afinal a Perse cuidou do livro e do lançamento não só com profissionalismo mas com imenso carinho. E aproveitamos para registrar no blog nossos agradecimentos ao diretor Antonio Hércules Junior e toda equipe da Perse por todo apoio que nos foi dado. Agradecemos também publicamente à empresária Cléia Mesquita que bancou a edição do livro e doou algumas passagens, ao governo do Estado, em especial a primeira-dama Cláudia Capiberibe, e ao presidente da Assembléia Legislativa Junior Favacho que contribuíram com passagens e ajuda de custo para hospedagem e alimentação.

Declamando

Veja mais fotos na página da Editora Perse clicando aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *