Denúncia e desabafo da petista Marcivânia

A professora Marcivânia Flexa, ex-deputada federal (PT), usou seu perfil no twitter na tarde desta quinta-feira para denunciar que  na área portuária de Santana, o governo do PSB  “cadastrou todo mundo no Renda em troca de apoio”.
Marcivânia faz parte da ala petista que não gostaria de ver seu partido coligado com o PSB.

marcivania1

  • Votem em Lucas em vez de discutir, o Camilo tá podre de rico,e a ponte onde eu passo pra chegar em casa também kkkkk ,nossa que legal.!!!!????

  • O Camilo vai ganhar a eleição, com ou sem apoio de PT e PSOL. Tenho certeza que nos debates ele será IMBATÍVEL!

  • Sou santanense e conheço o trabalho da professora Marcivânia Flexa e, creio que por ser tão correta, ainda não tenha conseguido se firmar (com vitória) politicamente. Também comungo da ideia de que não daria para permanecer ao lado de quem não se pode confiar. Como cidadã vejo como o governo tem desonrado a seu Bel prazer os interesses sociais do meu estado. Difícil é ver as pessoas acharem que quem se engana num apoio não pode dele declinar. Votei no Camilo também no pleito passado, gritava seu nome, caminhei ao seu lado, tomei seu discurso, mas não por interesses pessoais e sim por crer de verdade que ele poderia ser o melhor naquele momento. Desta forma, sei que hoje sou responsável coadjuvante do caos em que a saúde, educação… do meu querido estado. Portanto, vejo honroso mudar sim, pois isto é crescimento. Isto é sinal de que não nos deixamos calar quando sabemos e temos o que dizer!

  • VEJAM SÓ, A PROFESSORA MARCIVÂNIA ESTÁ CUSPINDO NO PRATO QUE COMEU.GARANTO QUE QUANDO ELA TINHA O APOIO DO GOVERNO CONSIDERAVA O PSB COMO ESQUERDA.COMO OS SEUS INTERESSES NÃO FORAM ATENDIDOS VOLTOU-SE CONTRA O MESMO.QUEM DIRIA.UM POLÍTICO NÃO É DIFERENTE DO OUTRO,EM PRIMEIRO LUGAR ESTÁ O SEU INTERESSE.

  • Quem criou renda, bolsa e essas coisas todos foi o próprio PT para segundo “eles” tirar milhões de companheiros trabalhadores da miséria. Sempre ouvi dizer que o feitiço vira contra o feiticeiro. É a velha história da democracia quando é para o meu direito, ditadura e perseguição quando é para a minha obrigação.

  • Após a eliminação de Portugal da copa do mundo, entrevistaram um torcedor português, sobre o jogo, respondeu assim, se fosse uma bola para cada jogador, Portugal teria se classificado.

    • E é dessa forma que os tantos politicos descompromissados com a coisa pública veem na politica as vantagens para atender seus interesses.Cargos,secretarias,etc…..Uma bola para cada reenvidicação que lhes satisfaça sua ganancia,poder pelo poder.Quando lhes servem tudo bem,se ao contrário,cospem no prato que já lhes serviu.Esta é a politica dos “coitadinhos” ,que nem essa ai. Oh! dó….kkkkkk

  • Espaço em governo nada, deveriam se unir para trabalhar, tirar nosso estado da situação que está, apresentar soluções para questões da saúde, educação e etc, condição mínima de vida estável para o povo sofrido. Mas é isso, o povo que se dane querem é lutar pelos seus afilhados, colocar todo mundo em cargos, apoiar cobrando lugares onde uns poucos vão desfrutar do dinheiro público e ainda por cima com corrupção. O povo tem que ter um governo livre desses acordos, coisa que Camilo prometeu e não cumpriu desde o início, é um troca troca só, o importante para eles é ficar no poder e o povo que fique a ver navios na pobreza.

  • Essa dicotomia direita/esquerda acabou faz tempo, mas, esqueceram de avisar aos políticos do Amapá e de todo o Brasil. Partidos de esquerda é coisa do século passado. Mas, não pensem que isso significa alguma evolução, porque não é. Acusações de corrupção, de cooptação e outras mazelas são divulgadas, cotidianamente, de parte a parte, entre os próprios partidos que, há pouco tempo, se poderia chamar de esquerda. Direita… Esquerda… Volver! Voltamos no tempo, infelizmente!

  • Interesse pessoa e choro por não estar em boa situação no partido. Cadê o iinteresse coletivo? Briga nojenta. Isso não interessa à população que quer saber de melhorias nas condições de vida dela.

    • Tb acho,se estivesse no bem bom,ficaria caladinha.Como todos sabemos os interesses “particulares” são mais viáveis à esses tantos politicos que não estão nem ai para os interesses públicos,coletivos.O PT seja de esquerda/direita,tá indo pro ralo,decadencia.

  • POLITICOS QUANDO NÃO CONSEGUEM O QUE QUEREM , PRINCIPALMENTE PARA O SEU LADO PESSOAL E FINANCEIRO , UM DIA ESTÁ DE UM LADO NO OUTRO ESTÁ CONTRA , POR ISSO QUE FICA CADA VEZ MAIS DIFICIL DE ACREDITAR COM QUEM ESTÁ A VERDADE . E O POVÃO CONTINUA ABANDONADO .

  • É por essas brigas e interesses pessoais que diminue o partido dos trabalhadores no Amapá. E por essas divisões fazem com que o PT não se faça respeitar. As divergências são salutar, mas depois que as decisões são tomadas como o decidido hoje pela nacional que homogou a parceria com o PSB, as bases e correntes politicas deveriam se unir e trabalhar junto nas negociações de edpaços no governo e fortalecer as candidaturas dos seus filiados. Reflexão

    • concordo PEDRO, o PT tem que apoiar mesmo a decisão da nacional. A companheira ta esquecendo que tinha uma secretaria no governo ha pouco tempo atras.

      • Chororo de quem não sabe se portar como deve.Melhor mesmo que fique longe do PSB,não tá fazendo falta alguma.

        • É Carla, teu PSB vai ficar sozinho nessa campanha, sem o principal nome do PT a professora Marcivania e o meu Psol fazendo corpo mole e não entrando de cabeça na campanha do Camilo Góes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *