Dívida do estado do Amapá com a previdência chega a R$ 1 bi

Levantamento feito pelo novo governo, mostra que a dívida do Estado com a Amprev é de R$ 1 bi.
Segundo o governo R$ 200 milhões são referentes a 2014, último ano do governo Camilo Capiberibe (PSB e outros R$ 800 milhões em não pagamento de parcelamentos.

  • O Estado não contraiu dívida, apenas os governantes não pagam o que devem à previdência. Usam o dinheiro para outros fins. Muitos talvez não saibam mas a AMPREV tem Conselho para fiscalizar, o problema é que a maioria sempre faz vista grossa. E a população também tem culpa.

  • Quando nós servidores resolvermos criar um Comitê Fiscal dos Servidores para fiscalizar as nossas contribuição feitas para AMPREV, acho que isso não estaria acontecendo. É simples, cada secretaria de estado e autarquia teria um representante nesse comitê, sem remuneração mas sim para fiscalizar os recursos que são recolhidos pelo GEA e auditar se foi repassado para AMPREV. Quando chegar a sua vez de aposenta e a Amprev dizer que vc não contribuiu não velha com chororô…

  • Se apontarem um gestor em todo o território nacional que não deixa dívidas para o seu sucessor,ai eu vou crucificar o Camilo,irei ser o judas da parada.Esse Sr.WG tb deixou o estado quebrado e agora volta querendo cobrar oque ele mesmo não fez em seu desgoverno,me poupe.

  • Infelizmente é assim, todo governo que assume o estado, acha que o dinheiro do Amprev não tem dono e utiliza-o para outros fins. Brincadeira isso!

  • Senhores gestores, invistam pesado no camelódromo. Criem dezenas de camelódromos… Pois este será o fim dos aposentados do Estado: vendendo pirulito r coxinha pra sobreviver…

  • Uma pena. Infelizmente esse e o cenário que se desnuda no Amapá. Cada dia mais endividado. Talvez só Jesus Cristo e com autorização do Pai pata fazer um milagre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *