Gitas e gitinhas

Arrepiados – Toda aquela movimentação que rolou ontem à noite deixou alguns políticos mais arrepiados que gato de desenho animado.

Fim de namoro – PMDB e PTB já não dividem a mesma cuia de açaí. Depois de várias rodadas de conversa, os dois não chegaram a um acordo. O PMDB bateu o pé dizendo que só coligava se o pacote fosse completo: senado, governo, deputado federal e deputado estadual. O PTB não recuou da posição de não coligar com o PMDB  para deputado estadual e o caso entre os dois chegou ao fim ontem à noite. Agora vai cada um para um lado.

PSOL – Sem o PMDB para atrapalhar, volta-se a falar numa aliança entre PSOL e PTB. O PSOL do Amapá vai pedir autorização ao nacional para coligar com o PTB aqui.  Lucas Barreto é  pré-candidato  ao governo pelo PTB  e Randolfe Rodrigues, do PSOL,  é  pré-candidato ao Senado.

Pra onde vai o PMDB – O partido de Sarney no Amapá pode tomar o rumo do PDT/PP, aí Gilvam Borges (PMDB) e Waldez Góes (PDT) estarão no mesmo palanque, correndo na mesma raia, na disputa pelo Senado. Mas como o PMDB é da base de Lula e quem manda mesmo é o Sarney – que morre de amores pelo PT e o PT por ele – não se pode duvidar que o PMDB acabe indo para os braços da petezada, atrapalhando todos os planos da ala petista que defende a reedição da coligação PT/PSB.

Presidenciável – PHS faz festa hoje em Macapá para apresentar o pré-candidato a presidente da República Oscar Silva. Será às 16h na Assembléia Legislativa.

Quilombola –  Deputada  Janete Capiberibe (PSB/AP) denunciou ontem Câmara dos Deputados a ameaça de morte feita contra o líder quilombola Benedito Anunciação Furtado, do Quilombo Kulumbu do Patualzinho, localizado no Amapá, na fronteira do Brasil e a Guiana Francesa. Segundo a Coordenação Estadual das Comunidades Quilombolas do Amapá – CONAQ/AP, o líder quilombola estaria sendo ameaçado por um grileiro de terras e garimpeiro conhecido como Açaí. Dois pistoleiros teriam sido contratados para dar fim à vida de ‘seu’ Benedito, que está escondido com a família, na floresta.

Som alto – Esta semana vou voltar ao assunto dos manés que esfolam o som de suas casas e seus carros perturbando o sossego da vizinhança. Vou falar também da ignorância dos donos de bares e botecos que causam maior poluição sonora e também das manifestações culturais que estão perdendo suas raízes e cambando para o rídiculo, trocando os versos do marabaixo pelo tecnobrega em altíssimo volume. Me aguardem!

Transparência – Para saber tudo sobre a lei da Transparência, que entra em vigor esta semana, clique aqui.

  • Imagina se eu vou ter dinheiro para pagar um trio elétrico… a polícia deveria ter um departamento próprio para atender esse tipo de ocorrência. Teve uma sexta-feira que liguei sete vezes para o 190 (três vezes). A primeira a atendente disse que ia providenciar uma viatura. Depois de quase três horas liguei novamente, e ela disse que eram muitas ocorrências, e todas as viaturas estavam em atendimento….Desisti. Mais tarde, quando amanheceu o dia, pensei: foram atendidas. ,enos a minha. Sei que deve ser muito difícil para a polícia atender um abestado que não consegue dormir, eles devem ter coisa mais importante para fazer – acho que eles tem toda razão. Cadê o povo da prefeitura (Kd o PSIU???) para fiscalizar e punir quem está infringindo a lei? Por que em Macapá não tem o Psiu? Em SP, pelo que sei, existe um atendimento 24h e não é necessário se identificar. PREFEIO ROBERTO GOES, ajude um cidadão que paga seu IPTU em dia a dormir sossegado.

  • Já pedia a sua irmã, agora peço a você que nos ajude pelo amor que você tem as suas calmas noites de sono. Gostaria muito de pedir pelo amor de Deus que você inicie em seu blog uma campanha para que as pessoas respeitem o sossego alheio. Será que é tão difícil escutar música sem atrapalhar o descanso dos outros? Gente, nós já chegamos no século XXI e Macapá, nesse aspecto, continua na idade da pedra. É inadimisssível uma coisa dessas. Você já percebeu que tem gente que coloca caixa amplificada em frente de suas casas, chamam os amigos (nada contra, pois todos tem o direito de se divertir) e ficam ali muitas vezes o o dia todo com aquele som nas alturas. Este final de semana teve uma festa na Mendonça Furtado, perto da transportadora Itaquá; tocaram tecno a madrugada inteira de sábado p domingo, até 6h30 da manhã, e pronto. Por favor, você que é uma pessoa consciente, poderia sugerir a alguém cristão do MP para iniciar uma campanha educativa nas escolas, pedir aos jornalistas desta cidade que façam alguma coisa para minimizar esse problema. Falta civilidade às pessoas que agem assim. Não é justo que cidadãos de bem, trabalhadores que passam a semana interira ocupados, deixem de descansar tranquilamente nos finais de semana por causa de uma minoria que desrespeita todos os limites da boa convivência.
    Muito obrigado
    P.S. É verdade que a polícia não faz mais atendimento de denúncias de perturbação do sossego sem a identificação do denunciante? Será que é mesmo verdade? Eu não acredito nisso. Daria para você abrir um espaço para as pessoas denunciarem onde acontece esse tipo de crime?

  • Nessa aí falta o Jaime Nunes que, segundo informe recebido, está vendendo a Domestilar para o grupo Bahia/Pão de Açucar que estão de olho na ponte com a Guiana/Amapá (Oiapoque). Segundo o informe, o grupo terá empresa na fronteira e Macapá ou Santana. No acordo estaria vendas de produtos da Nutriama (frango), o que o Jaime, desde os tempos de Capi no governo, quer fazer para os guianenses que importam tudo. Na primeira e última tentativa os chineses que dominam essa importação na guiana deflagraram uma greve e promessa de retaliação física.

  • vizinha chateada.
    eu sei o que e ter vizinhos manés, pois ao lado da minha casa no laurindo banha mora os sobrinhos do Lucas Barreto, pois eles ligam o som a meia noite e so desligan as seis da manhã é uma falta de respeito com os vizinhos, se o tio que e ainda é candidato eles já fazem tudo isso, agora você imagina se o tio for governador o que eles irao fazer.

    • Pelo que sei o Lucas não tem sobrinho que mora no Laurindo Banha. Ele tem dois irmãos: Um mora no Jardim Felcidade e outro no Jardim Equatorial. Não adianta que não cola essa.

    • Denuncie pro Batalhão Ambiental.
      Precisamos fazer alguma coisa para acabar com essa falta de respeito e poluição sonora.
      ô gentinha, né?

  • Faça como um amigo meu. Quando acabou a “festa” dos “bacanas” às 06:00 horas da manhã, ele e os vizinhos colocaram um trio elétrico com som bem alto na frente da casa do mesmo. Ele cançado e porre não dormiu o dia todo, com isso ele nunca mais pertubou o sono dos vizinhos.

  • Pelo andar da carruagem, JOSÉ SERRA terá três palanques eleitorais: um do PSDB de Jorge Amajaás; outro do Lucas Barreto do PTB e outro do Pedro Paulo do PP. Isso não é mera especulação não. Os partidos supramencionados, NACIONALMENTE, estão alinhando para essa tendência. E aí? como é que fica o PDT e PMDB sem o palanque de DILMA do PT?

  • Nunca acreditei nesse namoro do PTB com o PMDB. Primeiro que os pré candidatos a estadual pelo PMDB, Dalto e Francisca, são declaradamente apoiadores incondicionais do Jorge Amanajás. Seria um absurdo coligar e ter esse povo pedindo votos para outro candidato. Na verdade, quem perde nisso tudo é o Gilvan que vai se obrigar a sair com o Waldez ou com o Papaléo. E quem disse que vem dois da mesma chapa ? O certo é que um virá um da esquerda – Capi ou Randolfe e o outro da direita. Mas isso tudo serviu para mostrar que o PMDB tem prioridades: a eleição do Dalto e da Francisca, cujos mandatos devem valer mais que o de Senador. Aliás, acho muito bom que o Lucas venha somente com o Randolfe, um candidato leve e tranqüilo com grandes possibilidades de se eleger. Resta saber se os partidos que o PMDB pretende coligar querem o Dalto e a Francisca. O Waldez já disse que o PDT vem só para estadual; O PP também não deve querer disputar vaga com o PMDB na mesma chapa, afinal o Edinho já pulou de lá com medo. Tem a Marília, o Eider e o Keka, que também buscam um lugar ao sol. E tem mais. Dalto e Francisca são os únicos candidatos que poderiam puxar alguns votinhos mas os dois juntos só fazem um coeficiente e o resto precisa vir de algum lugar – O PMDB não tem mais quadro para isso ou Kamicazes para gastar dinheiro para eleger somente os atuais deputados. Quem se arrisca ? E ainda terão as ações que o PSB ajuizará contra o Gilvan (uso de rádios, etc…). É um aliado difícil de se ter ao lado. Pode sobrar para quem o acompanhar. Gilvan vai ficar sem mandato. Escrevam isso.

  • Gente, moro no Laguinho e esse final de semana a coisa foi complicada por aqui. Respeito a manifestação cultural que é o marabaixo, mas deve haver regulamentação. A festa foi até as 7:00h da manhã de segunda-feira e o som alto não deixou ninguém dormir. Foram muitos fogos, som alto, muitas pessoas urinando na frente da minha casa etc. Não vi banheiros quimicos e sinceramente falando, acho que os ciclos do Marabaixo deve ser feito no Centro de Cultura Negra, pois ele passa a maior parte do tempo fechado, e sendo feito na casa dos festeiros fica complicado, pois eles não tem nenhuma estrutura pra isso. Imagine só, as 5h da manhã DE SEGUNDA-FEIRA com muitos fogos, gritaria, brigas e som alto. Infelizmente o Laguinho tem vários “donos” onde cada um faz o que quer, fecha a rua a hora que quer e ninguém tem coragem para reclamar. Os lideres do Marabaixo no Laguinho devem respeitar o sono e o trabalho alheio.

    • Valeu, Alex. Concordo, em gênero, número e grau. Além da UNA, tem ainda o sambódromo, a fortaleza…etc. Ou então, por que não discutir com os vizinhos uma fórmula que agrade a todos? Que minore, ao menos, os dissabores sofridos por tantos outros amapaenses. Gosto do Marabaixo, como manifestação cultural. Admiro e torço pela sua preservação. Lastimo, todavia, os aberrantes descalabros e desrespeito aos direitos alheios, praticados pelos seus organizadores, bem como o descaso do poder público, que a tudo alimenta com o dinheiro dos impostos que lhe pagamos. É sim, tudo isso é financiado com o dinheiro público, talvez, por isso, a proliferação de tantos locais com batição de tambores, foguetórios e bebidas alcoólicas. Que nossas vozes tenham eco…..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *