Moisés Souza reassume presidência da Assembléia Legislativa

Deputados afastados por corrupção reassumem Assembleia do Amapá

Abinoan Santiago Do G1 AP

Os deputados afastados Moisés Souza (PSC) e Edinho Duarte (PP) reassumiram na manhã deste sábado (25) os respectivos cargos de presidente e primeiro-secretário da Assembleia Legislativa do Amapá (Alap).  Ambos foram afastados pela Justiça em junho de 2012, a pedido do Ministério Público do Estado do Amapá (MP), que os denunciou por  formação de quadrilha, fraude em licitação, peculato, corrupção passiva e lavagem de dinheiro. O retorno é com base em uma liminar de dezembro de 2013 do Supremo Tribunal Federal (STF). A solenidade foi restrita. Apenas deputados, servidores da Assembleia e assessores puderam acompanhar a posse, que aconteceu na sala de reuniões da Alap e durou poucos minutos.

De acordo com os deputados, eles vão assumir apenas a gestão parlamentar da Assembleia Legislativa, deixando a administrativa e financeira para livre nomeação do corregedor da Alap Michel JK (PSDB). (Leia mais)
  • kkkkkk… tem q ri mesmo desse povo chorando, geral, todos os eleitores sao culpados todos, mas depois vem a grande maioria q se vende ou acredita q vai se dar bem em relacao aos demais e apoiam esses caras em troca de favores… cada um q ser mais esperto q o outro passar por cima. enquanto cada um olhar só pro seu proprio umbigo as coisas nao mudam (pessoal reclama mas reclama com o mesmo pensamento “q se fo** o proximo se eu tiver bem e o q importa’)

  • Sai pra lá CAPITOTO. depois de escorraçados pela opinião publica, na maior cara de pau, assumem os mais altos cargos na ALAP

  • Isto é uma VERGONHA. O Povo amapaense não merece este desrespeito. Em outubro é hora de dar o troco.

  • A Justiça não tem a mesma visão do povo, algo me diz que a população paga por um Deputado, que infelizmente não realizou nada durante seu mandato. Ações em prol do povo, não ações judiciais… Reflexo da nossa humilde e trabalhadora sociedade do baixo escalão.

  • ai os comprados elegem o waldez góes, sarney, edinho das artes, moises souza, gilvan borges e abre um circo com o resto do povo pq pelo jeito eles acham que somos palhaços.

  • Mais uma vergonha para a política amapaense. É a verdadeira decadência moral. O povo do Amapá não aguenta mais isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *