Nota da esclarecimento da Seplan

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Quanto à ação movida pela Prefeitura Municipal de Macapá (PMM) contra o governador Camilo Capiberibe e o secretário de Estado do Planejamento, Juliano Del Castilo Silva, exigindo os repasses referentes à arrecadação de ICMS e IPVA, relativos às últimas três semanas, o Governo do Amapá (GEA), por meio da Secretaria de Planejamento, Orçamento e Tesouro (Seplan), esclarece que os valores referente ao pagamento desses tributos já foram creditados no banco Santander, mas a instituição não efetivou em tempo hábil o repasse às contas da PMM.

O GEA informa ainda que já solicitou ao banco, por meio de ofício, a liberação imediata do dinheiro, referente a duas semanas de arrecadação do ICMS e IPVA. A única pendência existente do repasse desses tributos pelo governo, portanto, corresponde à semana do dia 18 de dezembro, em função de um bloqueio ocorrido nas contas do GEA pela Caixa Econômica Federal, cujas medidas já estão sendo providenciadas pelo governo para liberação do restante do repasse.

Não havendo, portanto, três semanas de atraso em relação ao repasse do ICMS e do IPVA, a Seplan interpretou a nota divulgada pela PMM aos veículos de comunicação como mais uma tentativa de politização, no sentido de tentar culpar o Governo do Amapá pelas dificuldades enfrentadas pela má gestão e falta de planejamento do prefeito de Macapá, Roberto Góes, o qual penaliza os servidores públicos municipais e toda sociedade macapaense.

Ascom/Seplan

  • ESSE GOVERNADOR É CARA DE PAU MESMO. VIVE ATROPELANDO TUDO. TOMA CUIDADO CLECIO E RANDOLFE. DEIXE DE ACORDO RANDOLFE E VEM COMO GOVERNADOR. GANHA ELEIÇÃO SEM GASTAR UM CENTAVO.

  • O desembargador Gilberto Pinheiro negou a liminar pedida pelo prefeito Roberto Góes. A PMM anda tão bagunçada que não conseguiu documentos para provar o alegado atraso no repasse. Pinheiro mandou buscar informações com o GEA e depois manda o caso para parecer da procuradoria de Justiça. Até lá, dentro de pelo menos 20 dias, Roberto já não tem mais a caneta.

    • Eles levaram os documentos, que devem ser muitas carradas….para algum lugar da cidade, que nem se lembram mais…
      Deve ja ter se misturado aos lixos espalhados pela cidade…sumiu……como vao provar alguma coisa????

  • Nao tem que repassar nada pra esse prefeitozinho mesmo…nao ta fazendo nada mesmo…deixa eu ver se o outro assume pra ver se a coisa anda…we os puxa sabe ainda nao entenderam….a casa caiu ….

  • Ta bom… Ta bom. Deixa ver se eu entendi. O Estado atrasa o repasse… Quando deposita os valores, deposita-os pela metade e com problemas de liberação do recurso… Confessa que não depositou a totalidade porque existe bloqueio judicial nas contas do Estado. Só se preocupou em efetivamente repassar depois de proposta ação judicial do Município E A CULPA É DO PREFEITO?!?! Paciência. Inverteram-se os valores. Camilo, vai tomar banho. Estamos cansados de tanta politicagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *