Vereador de Macapá é condenado a 5 anos de prisão

O vereador de Macapá Ulisses Parente (PSDB) foi condenado a cinco anos de prisão em regime semi-aberto pelos crimes de peculato, associação criminosa e fraude em licitação.
Ulisses teria cometido esses crimes quando ocupou o cargo de Diretor Administrativo da MacapáPrev no período de janeiro de 2010 a  janeiro de 2012.

Eleito vereador em 2012, chegou a ser presidente da  da Comissão de Constituição, Justiça e Redação da Câmara (biênio 2013/2014).
Caso seu mandato seja cassado, assume a vaga de vereador o suplente João de Deus.

  • Parabéns aos desembargadores por adotarem o posição do STF em relação ao cumprimento imediato da sentença. Espero que o mesmo ocorra nos julgamentos da Operação Eclésia, pois até o momento já existem 4 político condenados, porém para nenhum foi determinado o cumprimento da sentença.
    Espero ainda ver alguns dos ilustres deputados trancafiados no Iapen até o julgamento da 21ª ação impetrada pelo MP.
    #vamossonhar

  • Como estou por fora da política amapaense! Jamais ouvi falar nesse tal Ulisses! OU a cidade cresceu demais ou estão elegendo figuras tiradas Deus sabe de onde…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *