Covid – SVS fiscaliza isolamento de 12 tripulantes do navio Mandarim Dalian ancorado em Macapá

Uma equipe da Superintendência de Vigilância em Saúde do Amapá (SVS) esteve hoje no navio Mandarim Dalian, ancorado no rio Amazonas, em frente a cidade de Macapá, para acompanhar a situação dos tripulantes.

Dos 21 tripulantes, 12 testaram positivo para o novo coronavírus. A equipe verificou que eles estão em uma área isolada do navio. Os sintomas manifestos são de leves a moderados e nenhum tripulante teve a necessidade de internação.

O navio de bandeira da Libéria cumpre quarentena imposta pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). As equipes da Vigilância em Saúde verificaram que de março até agora o navio esteve nos Emirados Árabes, Arábia Saudita, Moçambique, África do Sul, Paquistão e Gana. Provavelmente, o local de contágio foi no porto da cidade de Tema, em Gana, o último país em que o navio esteve antes do Brasil.

O navio ancorou em Macapá na quinta-feira, 5, depois que tripulantes apresentaram sintomas de covid-19. Na sexta-feira, 6, dois dos tripulantes foram atendidos na Unidade Básica de Saúde (UBS) Lélio Silva e liberados em seguida por não apresentarem quadro clínico grave.

O acompanhamento segue até o fim da quarentena, que é de pelo menos 14 dias, e a liberação para o navio deixar o Amapá.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.