A CPI das Mineradoras

Acaba de ser instalada a CPI das Mineradoras da Assembléia Legislativa do Amapá.
Anote aí a composição pra saber de quem cobrar os resultados:
Presidente: Alexandre Barcellos
Vice-presidente: Zezé Nunes
Relator: Moisés Souza
Membros: Eider Pena e Kaká Barbosa

  • quando jorge vai prestar contar com poupulacao e os 10 milhoes q sobram todo mes da assembleia vai pra onde? ainda que ser governador desse estado…jorge desafinado…

  • parece que gabriela nunes e carla mendonca sao as mesmas pessoas, so nao entendo o porque ela usar pseudonimos para defender o Jorge e seu brinquedinho chamado assembleia legislativa, que tirando uns 3 de la, de resto nao salva-se ninguem! gabriela ou carla? vc eh assessora do jorge? kkkkkk (e nao vem com papo de camarao que dorme a mare leva, e nem me manda estudar no desafio pois meu teclado esta sem acento) hehehe 🙂 fuiz!

    • As reuniões da CPI ocorrerão as terças-feiras no Plenário da Assembleia, a partir das 15 horas. A primeira foi marcada para a próxima terça, 23.

      Compareçam lá

  • Para quem acredita em papai noel,vai funcionar sim.Com esta “composição então….As pizzarias do Estado estão perdendo espaço p/essa AL.

  • Você está viajando,até agora a Assembléia( que você defende),nada fez para conter o roubo do dinheiro público que se faz presente em todos os òrgãos da Administração Estadual(não escapa um).São várias e diversas quadrilhas atuando dentro do governo e até agora,só os deputados de oposição(somente 2)fazem denuncias de corrupção.Uma das quadrilhas estão se preparando para tomar de assalto a Ig

    • Foi instalada nesta quarta-feira, 18, a Comissão Parlamentar de Inquérito criada pela Assembleia Legislativa para investigar denúncias de irregularidades nas atividades das empresas mineradoras no Amapá.
      Proposta pelo deputado estadual Ruy Smith (PSB), A CPI da Mineração tem como objetivo principal verificar o impacto sócio-ambiental e econômico dos projetos instalados nos municípios de Amapari e Serra do Navio.

      Para a presidência da comissão foi confirmado o nome do deputado estadual Alexandre Barcellos (PSDB) e na vice-presidência, o deputado Zezé Nunes (PV). O relator é o deputado Moisés Souza (SC) e como membros foram indicados os deputados Eider Pena (PDT) e Kaká Barbosa (PT do B).

      As reuniões da CPI ocorrerão as terças-feiras no Plenário da Assembleia, a partir das 15 horas. A primeira foi marcada para a próxima terça, 23.

      “Nessa primeira sessão estaremos recebendo toda a documentação das denúncias que estariam ocorrendo. E, a partir daí, definiremos que ações iremos tomar e também quem deverá ser convocado pela CPI para depor”, explicou o deputado Alexandre Barcellos.

      Na reunião também será votada a proposta apresentada pelo deputado estadual Ruy Smith, que sugeriu a nomeação de dois suplentes ao invés de um, para que os trabalhos da comissão não fiquem prejudicados na ausência do titular.

      Também será debatida a criação de uma equipe técnica para assessor a CPI. “Essa equipe é necessário para dar suporte ao nosso trabalho,porque vamos precisar de um geólogo, um engenheiro florestal para emitir os pareceres para a comissão”, disse.

    • As reuniões da CPI ocorrerão as terças-feiras no Plenário da Assembleia, a partir das 15 horas. A primeira foi marcada para a próxima terça, 23.

      Compareçam lá

  • Se ela foi implantada então tem que funcionar não há como ser ilusória ali é uma casa de leis nós temos apenas é que cobrar deles e não ficar dando com a lingua nos dentes camarão que dorme a maré leva. A assembléia está de portas abertas para receber a população só temos que ir em busca dos nossos direitos.

  • kkkkkkkkkkk!!!! tá mais parecendo a turma do balão mágico.aposto com quem quizer, que com essa presidencia e relatoria vamos caminhar pra mais uma pizza com borda de catupiri!!!é isso ae el bigodon! manda quem pode obedece quem tem juizo.

  • Alcinea, acho difícil esta CPI funcionar, tendo em vista que nenhum parlamentar vai alfinetar e detonar nenhum colega.ÁLVARA que a relatoria é do MOISÉS SOUZA que jura é o homem de confiança do JORGE e fala pra todo mundo que é o futuro presidente da assembléia.

  • Se bem conduzida, poderá prestar relevantes serviços ao Estado, em especial, no sentido de prevenir ou mitigar os impactos provocados tais empreendimentos, em especial, com relação a capacidade do empreedndedor e do Poder Público de dar respostas às demandas sociais geradas quando do processo de instalação destes. Pode também, a partir das experiencias recentes, avaliar com que ritmo deve-se portar a exploração,de forma a produzir benefícios por um espaço de tempo mais proveitoso para todos. Permitirá ainda a avaliar melhor os procedimentos de licenciamento ambiental, em espicial os dos últimos anos, eivados de equivocos, pra dizer o mínimo. Poderá sugerir ainda nova formas de pactuação, que envolva também as ações sob responsabilidade do estado, no processo. Pode vir a ajudar a estabelecer novas e mais criativas maneiras de efetivação das compensações ambientais previstas na lei, Poderá ainda …..uma infinidade de outras possibilidades. Ou dar em nada. Os deputados podem escolher
    Alcione

  • Alcinéa
    Todo ano eleitoral tem CPI das Mineradoras. Tô com pena delas.
    Sem elas, só com o pessoal do GEA, já se explusou o EIKe, a MPBA, a Sólida e outros menores que nem se astrevem de entrar no estado de tanta facada que levam. Até os pessoal da piçarra, do barro e da areia tem reclamado.
    Adelson

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *