Começou…

Tá no jornal aGazeta

Mário Gurtyev chama Camilo Capiberibe de “irresponsável” e cobra transparência do governo

“O que falta ao governador é abrir essa arrecadação e nos mostrar.
Nós temos um percentual a receber desse excesso. Eu gostaria que ele fosse para a imprensa dizer isso, e não querer jogar o povo contra o Judiciário”, diz Gurtyev.

Com pouco mais de cem dias no governo, Camilo Capiberibe já demonstra que seguirá os mesmos caminhos do pai. Um desentendimento entre o Judiciário e o Executivo reacende a briga entre os Poderes no Amapá. O presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Mário Gurtyev, disse ontem (19), em entrevista à imprensa, que esperava mais transparência do governo, principalmente, em relação aos recursos arrecadados pelo Estado. Afirma que o governador Camilo Capiberibe age de forma “irresponsável” e com “cinismo” ao dizer a uma emissora de TV local que houve aumento no orçamento do tribunal, numa tentativa “de jogar a população contra o Tjap”.

“O que falta ao governador é abrir essa arrecadação e nos mostrar. Nós temos um percentual a receber desse excesso. Eu gostaria que ele fosse para a imprensa dizer isso, e não querer jogar o povo contra o Judiciário. Está faltando essa transparência. Houve excesso de arrecadação nos dois primeiros meses e certamente haverá nesse e até hoje nada de demonstração, e ele vem com essa desfaçatez. Isso é desfaçatez”, desabafou o presidente.

O clima hostil entre os dois Poderes relembra a batalha de liminares e ofensas no período em que João Alberto Capiberibe, pai de Camilo, era governador do Amapá (1994 a 2002). A época o líder do Executivo insinuou que os desembargadores faziam parte de uma “quadrilha”.

O clima de tensão se transformou em guerra e mergulhou o Estado numa grave crise institucional com conseqüências nefastas. A situação chegou ao ponto de a Assembléia Legislativa ter aprovado um Orçamento e o Governo do Estado ter executado um outro totalmente diferente.

“Nós estamos querendo resolver, mas se for preciso adotar todas as providências possíveis e necessárias, serão adotadas. Queremos paz, mas se tiver que ter disputa, vamos disputar, porque nós estamos cumprindo o nosso papel. Eu não posso continuar devendo as obrigações do tribunal”, disparou.

Segundo Mário Gurtyev, todo o quadro financeiro do tribunal foi repassado a Camilo Capiberibe. Nos últimos dois anos, o Tjap criou onze varas. Para mantê-las em atividade, efetivou mais de 200 servidores, foram criados mais de 12 cargos em comissão para as chefias das respectivas varas, e mais 22 juízes. A justiça do Amapá, até então, dispunha de de 58 juízes. Hoje tem 80.

Os novos servidores foram nomeados entre julho e dezembro do ano passado. Por conta disso, como o orçamento era de R$ 146 milhões, de acordo com Gurtyev, o Judiciário fechou 2010 com um déficit de R$ 27 milhões. Esse ano, com base nos cálculos do tribunal, o déficit mensal médio está em R$ 3 milhões. Ou seja, nos quatro primeiros meses o judiciário pode fechar com déficit de R$ 12 milhões.

“Esse ano a carga de pessoal está sendo remunerada desde primeiro de janeiro. Evidentemente que o orçamento não poderia ser o mesmo do ano passado. Além do mais, na nossa proposta orçamentária, nós já propusemos aumentos para os servidores no percentual de 6%. Tudo isso foi desconsiderado pelo governo, que encaminhou uma proposta de R$ 146 milhões, não sei como ele chegou a esses cálculos, enquanto que propusemos 212,4 milhões. R$ 210 milhões da receita do Estado e R$ 2,4 de receita própria do tribunal (com impostos)”, esclareceu.

Segundo o presidente do Tjap, Camilo Capiberibe teria se mostrado sensível ao problema. Mas as negociações por mudança no orçamento do Judiciário não avançaram. Para chegar a um acordo, o presidente propôs que fosse adotada a suplementação do orçamento que a Assembleia fez no valor de R$ 170 milhões, que também foi criticado pelo Poder.

A possibilidade de chegar uma solução estaria no aumento da arrecadação. “Ele veio com uma conversa de aumento na arrecadação de janeiro, fevereiro, mas que caiu em março, e em abril ia melhorar e a gente começaria a se entender”, contou o presidente.

Mas o relacionamento entre os dois poderes voltou a estremecer com a declaração dada pelo governador a uma emissora de TV local falando que não houve corte no orçamento do Judiciário, e sim aumento.

“Causou surpresa a entrevista do governador que pareceu de tamanha irresponsabilidade e até de cinismo. Eu lamento dizer isso, se ele considera desrespeito, e eu lhe digo quem merece respeito é quem se dá respeito. Quem fica usando a imprensa com certa desfaçatez para jogar a opinião pública contra um dos Poderes do Estado, não está desempenhando o papel de governador”, alfineta Gurtyev.

“Todas as vezes que tratei desse assunto, eu o tratei com muito respeito. Sei das dificuldades que ele tem, mas é preciso uma solução. Disse e repito, ele não é governador só para administrar apenas o bônus, tem que saber lhe dar também com o ônus”.

Mário Gurtyev aponta o governador como o único responsável pelas obrigações do Estado. “As instituições públicas do Estado são mantidas pelos cofres do Executivo. O descumprimento dessas obrigações pode levá-lo até ao crime de responsabilidade”, alertou.

  • Primeiro tem que acabar com esses cargos comissionados,que muitas das vezes são todos parentes desses gestores!!!!!!

  • O Estado passa por dificuldades financeiras, isso todo mundo sabe. Uma boa conversa evitaria a repercussão negativa que a discussão em torno do orçamento está causando entre o TJAP e o GEA.

  • sr. albuquerque, se é tudo tão maravilhoso então posso entrar no dito site e ter em mãos os salarios, vantagens, auxilios como o auxilio alimentação, auxilio transporte, auxilio sei lá mais o que, fora, é claro, as diarias que ultrapassam 500,00 apenas para ir a belém, é isso seu albuquerque…
    ou os senhores não tem o mesmo comprometimento ou honestidade que o executivo que colocou através do portal da transparencia o valor recebido por cada um de seus funcionarios

  • seu pedro albuquerque, posso digitar o nome do juiz e vai sair lá o salario dele??????
    e as diarias,,,, e o auxilio moradia, transporte, alimentação, etc……

  • Mordomia por mordomia, o sr. governador ganha de todo mundo, senão vejamos: está cercado delas na residência oficial. É carro de graça; é segurança de graça; é gasolina de graça; é café, almoço, lanche, jantar de graça; é arrumadeira de graça; é limpador de piscina de graça, etc…

    TRANSPARÊNCIA é bom só virtualmente.
    (…)

    E não se esqueçam que tem uma turma que dilapidou o Estado e que atualmente ocupa cargo de relevo no governo da transparência.
    ´

    O sr. Camilo deveria agradecer seu mandato e de seu pai ao Judiciário, pois através da Operações Maõs Limpas e de todo um esforço da Justiça pela ética e moralização das eleições(MOVIMENTO ELEIÇÕES LIMPAS), inclusive com envolvimento de servidores, juízes, etc., subiu da última colocação para o primeiro lugar e assim ganhou as eleições. EM VEZ DE ACHINCALHAR E DESQUALIFICAR, além de promover um falso debate, tentando enlamear o poder Judiciário, deveria agradecer!!

    • Mas o judiciário não ajudou o Camilo, ajudou o povo cego, mudo e surdo e, consequentemente a todos nós. e ainda foi o judiciário federal.

    • Páre com isso. Do jeito que vc fala, parece que o governo caiu no colo do Camilo e não foi bem assim. Ele teve um adversário à altura, ou vc esqueceu do Lucas Barreto? Você tem o direito de opinar, mas não subestime a inteligência e capacidade dos outros.

  • Infelizmente dar vergonha de ser brasileiro. Como pode instituições que foram constituídos por luta e sangue serem propriedades de alguns. E pior: pago pelos nossos impostos. Na Monarquia pagava-se 20% e atualmente na república pagamos 50%. O Brasil é uma mentira!! É só olhar para o desenvolvimento da região norte e comparar com os estados sul e sudeste. Guaina Francesa nem é tão rico quanto o Amapá, porem é de 1º mundo. A saúde lá funciona mesmo!!! Aqui é o Haiti. A Globo faz muita propaganda do Rio porque na copa do mundo ganhará um montão de dinheiro. O governo federal abriu as contas e investirá bilhões de reais principalmente para os estados do sudeste. Quanto a nós aamapaenses temos de assistir no Jornal Nacional as enchentes e as lamurias da nossa gente. Aliás, vocês já observaram que a imagem do Amapá é muito negativa aí pra fora. Claro! Eles só veiculam coisas ruins. É por isso que os idiotas do Restart são ignorantes, porque o Brasil só é válido para aquelas regiões. A Amazõnia só tem mato.

  • Entendo que as coisas deveriam ter skido acertadas, durante o exame e votação do orçamento. Depois de aprovado e sancionado, Aberto o orçamento, a Assembleia Legislativa não poderá fazer malterações, salvo se houver uma solicitação do Poder Executivo.Essa “briga” entre o presidente do TJAP e o governador, não pode continuar. A solução poderá ser encontrada, se os dois procurarem a mesa de negociação. É conversando, que a gente se entende. O acirramento da questão,prejudica o Estado e o povo. A harmonia entre os poderes, é fundamental para o bom desempenho da governabilidade, que é exercida pelo Executivo, Legislativo e Judiciário.

  • Meus caros amigos,
    Realmente a tecnologia da informática veio pra revolucionar a relação entre o contribuinte e o estado, digo isso, pois acabo de visitar o site de TJAP, e pude constatar que o gasto com pessoal do judiciário no ano passado foi de R$ 115.000.000,00, confirme você mesmo no seguinte endereço: http://www.tjap.jus.br/portal/images/stories/documentos/portal/46A3F5D8d01.pdf. Isso significa que a folha não é problema, pois 90% dos gastos do judiciário é com pessoal, ora se o repasse anual é de 170 milhões significa que está sobrando 55 milhões para outras despesas, quantia mais que suficiente para uma prestação de serviços jurídicos de excelência. Trnsparência nos gastos públicos é para isso, colocar a limpo o debate com informações de fácil acesso.

  • É Desembargador… Desembarcou aqui, a mina é aqui! Não libera Camilo o que não é legal. Libera apenas o dispoinível por lei. Depois manda procurar a justiça e ponto.

  • O presidente do TJAP já foi pedir apoio na assembleia, agora vamos ver quais deputados estão de fato comprometidos com o povo.

  • e o Judiciário é o unico poder que não é eleito pelo povo, é o mais fechado e o menos transparente, quem tem que ser mais transparente é o Judiciário. Vocês não dependem do povo, dependem dos políticos eleito por ele.

  • O Camilo tem que ter pulso forte, para mostrar que os tempos agora, são de austeridade e que se precisa fazer cortes, para tirar o Amapá do abismo em que se encontra. Agora que tal o poder Judiciário colocar os gastos e receitas na internet, como fez o GEA? Fica a dica…

  • Sr Desembargador Presidente, que tal cortar as viagens de V. Excelencias, que tal cortar os lanches que os 9 privilegiados recebem todos os dias em seus gabinetes, que tal cortar os vigilantes pagos com recurso do Tribunal para “dar segurança/vigiar/reparar??” a residencia “particular” dos 9 privilegiados?????? pense nisso…

    • Pior curiosa que ja tive a oportunidade de estar em um gabinete de desembargador uma vez, esperando pra ser atendido, dai chegou um funcionario com 10 celulares, apensa dez celulares pra o desembargador escolher 5 a secretaria ainda falou assim em um ar de deboche: se o chefe tem por que nao voiou ficar com um o governo paga mesmo. e ficou com um celular. pedi agua e ela disse voce pode tomar la(no frigobar)quando abri tinha pelo menos 8 tipos de sucos diferentes, muito lanche, de tudo que voce imagina pra nada, eles nem comem la a secretaria leva tudo pra casa e quem tem que pagar somos nos, brincadeira…TIRARAM O DOCE DA BOCA DA CRIANCA ELA CHORA E OU NAO E…..(desculpe pelos acentos meu teclado ta doido) abracos

    • Sr. Presidente Racione o combustivel das comarcas do interior, tem comarca que todo final de semana a hillux tá em Macapá. e pela lei o juiz deve residir na jurisdição da comarca. só devendo se afastar com a anuência do tribunal.

      • Isso é pouco. Tem uns que dão expediente de segunda a quinta e se mandam pra Belém, onde passam o findin em seus condomínios luxuosos…

  • Isso tudo eh pressáo para q seja liberado + recurso eh? Caramba gente, vamos dar as mãos e construir um Amapá digno do povo.

  • kkkkkkk tenho que rir para nao chorar. Ora..ora…chororô até por causa do cafezinho! Trabalho numa escola publica e para dar-me o luxo de tomar um cafezinho fazemos a coleta que sai do nosso bolso, o orçamento prioriza as nossas crianças, o lanche delas, material e outras coisas mais..ah;..ainda se quero tomar agua mineral também fazemos coleta. Nem por isso vamos para a imprensa chorar temos que nos virar p o orçamento suprir as necessidades do publico principal: os alunos!!!

  • O interessante é que o Governador Camilo criticou o governo anterior massificamente na imprensa em relação aos contratos administrativos e prometeu em plena campanha que no primeiro semestre de seu governo iria fazer concurso público para minimizar os contratos e se possível eliminar os contratos porque os servidores públicos deviam ser valorizados com capacitação profissional e continuada, palavras ditas por ele e o pior é que acreditei e hoje percebo que ele não é um homem de palavra,pois o nosso Estado continua no mesmo marasmo só mudou de cara. Decepcionante.

    • kkkkkkkkkkk…voce me faz ri, por que voce nao arrunma uma vara de condao e empresta ao Camilo…lembre-se que o Capi deixou as contas do governo todas pagas em 2001 Waldez assumiu tudo bacaninha e nesse governo como estavam os cofres. voce ja viu o quanto foi pago de dividas do estado.

      • Acho que a moça tem razão: contrataram mais gente, substituiram é? E outra: està havendo algum concurso? Se estiver, acho que perdi o prazo para a inscrição…

  • Pior é saber que o judiciário amapaense só desfila e pouco faz pelo Amapá. E olhe que eles ganham muito bem pra isso. Vá a rua, vá rua.

  • Como diria minha mãe, quem muito se abaixa o fundo aparece. O desembargador está preocupado com a opinião pública??? Perdeu a oportunidade de usar a mídia em outras épocas para mostrar serviço, quando a gatunagem oficial desviava recursos de serviços essenciais, como da saúde, educação, entre outros. Copiando um comentário abaixo, prefiro essa briga à harmonia.

    • e isso ai por que eles nao iam a tv antes brigar pela grana…..por que faziam parte do monte…se brigassem nao estariam mas na divisao do bolo e tinham que esconderr as falcatruas do governo passado….

  • E dizem que querem reduzir a criminalidade???? O SALARIO MINIMO DO TRABALHADOR BRASILEIRO E O AUXILIO RECLUSÃO “QUEM SE OMITE … INDIRETAMENTE SE ASSOCIA!!” (Benjamin Constant) Portaria nº 48 de 12/ 2/2009 da Prev. Social ISTO É UM INCENTIVO À CRIMINALIDADE ! ! !. . . E AGORA O QUE PODEMOS FAZER? ? ? A REFERIDA PORTARIA REVOGADA PELA DE Nº 333, DE 1º/06/2010 aumentaO VALOR DO SALARIO FAMÍLIA PRESIDIÁRIO PASSOU A SER DER$810,18 ! ! ! É bom lembrar que o salário mínimo (2011) é de R$540,00ATENÇÃO …E o auxilio reclusão (2011) . . . . . . . . . . . . . . .é de R$862,11(por dependente)atualizado em 01/01/2011 – portaria n 568 de 31/12/2010 E TEM MAIS. . .NO CASO DE MORTE DO “POBRE PRESIDIÁRIO”, A REFERIDA QUANTIA DO AUXÍLIO- RECLUSÃO PASSA A SER”PENSÃO POR MORTE”.O GRANDE LANCE É ROUBAR OU MATAR PARA SER PRESO E ASSIM SUSTENTAR CONDIGNAMENTE A SUA PROLE.ISTO É INADMISSÍVEL ! ! ! ! ! ! ! ! ! ! ! !VEJAM QUE ABUSO.Repassando … pois entendo que é mais um dos muitos absurdos desse país, e por isso a Previdência Social está sempre quebrada e não tem verbas para pagar decentemente quem trabalhou uma vida tôda! É REVOLTANTE !!!!!!! Você sabe o que é o AUXÍLIO RECLUSÃO?Todo presidiário com filhos tem direito a uma bolsa que, a partir de 1/6/2010 é de R$ 810,18 por filho para sustentar a família, já que o coitadinho não pode trabalhar para sustentar os filhos por estar preso. Mais que um salário mínimo que muita gente por aí rala pra conseguir e manter uma família inteira.Ou seja, (falando agora no popular prá ser bem entendido)Bandido com 5 filhos, além de comandar o crime de dentro das prisões, comer e beber nas costas de quem trabalha e/ou paga impostos, ainda tem direito a receber auxílio reclusão deR$ 4 050,90 da Previdência Social.Qual pai de família com 5 filhos recebe um salário suado igual, ou mesmo um aposentado que trabalhou e contribuiu a vida inteira e ainda tem que se submeter ao tal “fator previdenciário”?Mesmo que seja um auxílio temporário, prisão não é colônia de férias.Isto é um incentivo a criminalidade. Que políticos e que governo é esse?????Não acredita?Confira no site da Previdência Social.Portaria nº 48, de 12/2/2009, do INSShttp://www.previdenciasocial.gov.br/conteudoDinamico.php?id=22Pergunto-lhes:1. Vale a pena estudar e ter uma profissão?2. Trabalhar 30 dias para receber salário mínimo de R$540,00, fazer malabarismo com orçamento pra manter a família?3. Viver endividado com prestações da TV, do celular ou do carro que você não pode ostentar pra não ser assaltado?4. Viver recluso atrás das grades de sua casa?5. Por acaso os filhos do sujeito que foi morto pelo coitadinho que está preso, recebe uma bolsa de R$ 810,18 para seu sustento?6. Já viu algum defensor dos direitos humanos defendendo esta bolsa para os “filhos das vítimas”?MOSTRE A TODOS O QUE OCORRE NESSE PAÍS!!!

  • Acho bem interessante essa discussão inclusive com a opinião de pseudo-intelectuais, todo mundo cobra do judiciário transparência… mas muitos que aqui estão nunca acessaram ao site do TJAP e procuraram por suas receitas e despesas detalhadas que estão lá desde antes do famoso portal da transparência que o atual governo.

    Quando o judiciário não funciona é por que é corrupto e não por falta de dinheiro… alguns falaram do belos carrões dos Desembargadores diga-se Nissan Sentra vou fazer uma explicação e me digam depois.
    Nissam Sentra do Tribunal de Justica
    Valor R$ 69.000.00 reais. adquiridos em 2006/2007, Valor da Mensalidade das Pick-ups alugadas para os diversos orgãos do governo R$ 12.300.00 por Més, Jan/Fev/Março/abril = R$ 49.200,00 reais, mais 2 meses e terão pago em 6 meses o que estão durando 4/5 anos e com uma excelente manutenção. então creio que alguem lucra muito com alugueis.

    Temos a Justiça mais agil do Pais, a com menor custo Processual e uma das mais informatizadas, saber administrar sempre é isso é não ter carros alugados e sim adquiridos. me falam de manutenção, façam como no Tribunal controlem seus veiculos e motoristas e se forem culpados pelos danos nos veiculos, que paguem.

    O Tribunal está cobrando o que lhe é por direito, ou as pessoas que aqui escrevem, em seus trabalhos não cobram por suas diárias, por suas horas extras ou demais direitos sejam de celetistas ou estatutários ?

    Quanto a Harmonia que todos citam, sabem me dizer quantos do Judiciário foram presos ? o Judiciário precisa de denuncias para poder agir… cobrem do MP-AP ele deve fiscalizar é sua função, e assim acionar judicialmente os envolvidos em fraudes, mas me digam o MP dependente como é do Governo vai denunciar alguem ??

    Aconselho aos que criticam o TJAP a procurarem saber mais coisas simples como por exemplo:
    Qual o custo do M² de obra do TJAP e do GEA ?
    Qual a vida Util de um Carro no TJAP e no GEA ?
    Qual o custo de um Computador no TJAP e no GEA ?

    Pessoas que aqui escreveram falam por ai que ganham pouco no GEA e que o TJAP paga bem, mas isso é valorização e Gestão de pessoas, por isso que nunca falta papel e somos sempre bem recebidos por seus funcionários e não pelos mal educados do GEA com seu papeis a4 colados na parede, “Desrepeitar Funcionário Publico é Crime…. ” devia ser “Desrepeitar contribuinte que paga seu salário é crime”

    Abraço a todos

    • Se é tão organizado assim, então tem que fazer mais economia no combustivel, salário dos não concursados, diárias, lanchinhos e diminuir o tempo de espera das demandas dos cidadãos que pagam a vida boa do judiciário, me diz que dia iniciou o feriadão do judiciário ou é para economizar energia.

  • quando todos estavam comendo na mesma panela, era uma harmonia linda maravilhosa, sobrava dinheiro para todos, menos para pagar as dividas do estado. na realidade os poderes estao pouco se lixando para o estado, eles querem saber de ter o seu no bolso no fim, do mes…e nestas horas que vemos como anda a carruagem….

  • o que tem de cargo no TJAP ganhando 4 mil e festa, que tal o nobre desembargador acabar com estes cargos.

  • Sr. Desembargador, Pra onde vai o dinheiro que é arrecadado das custas processuais? que não é pouco!

  • Meu Deus!!! quanta desfaçatez por parte do presidente do tribunal de justiça. Ele querer chamar de cínico o atual Governador, no mínimo é fazer piada. Aí eu fico me perguntando, qual seria o adjetivo q ele usaria para determinar o ex-governador WG e seu vice PP, já q estes foram parar na Polícia Federal? Diz aí presidente!

  • Para que o povo do estado do amapá, VOLTE A ter tranquilidade,temos que extraditar o camilo e família para a cuba,assim como os seus puxa-sacos.Ai sim teremos tranquilidade.

  • O judiciário tem que parar de se achar intocável.O estado do Amapá está mergulhado em problemas, o orçamentodo TJAP teve um aumento de vinte milhões e o respeitável desembargador está achando insufisciente. E o povo que vive com um salário mínimo que não aumenta mais que vinte reais por ano??? Só dá pra tomar o cafezinho da manhã e olhe lá!!!! ainda bem que o feriado deles é mais longo que o do povo aqui debaixo assim o ilustre desembargador descança dos problemas que esse orçamento miserável está lhe trazendo e se isso o está fazendo perder o sono cortar o cafezinho pode ser uma boa!!.

  • Que bacana Sr. desembargador,se o Sr. aconselha o governo a administrar e lidar tb com o ônus, que tal usar este mesmo conselho p/o senhor e todo o corpo judiciário? Se funcionar com vcs do judiciário,certamente que funciona tb com o executivo….he he

  • Gostaria de saber qnt custa a diária de um desembargador, e quanto o TJAP desembolsou só ano passado com seus 9 privilegiados desembargadores?
    Creio q o senhor president poderia falar sobre isto?
    Há!!!! ia esquecendo e o cafezinho? os luxuosos carros q sempre estão a disposição dos senhores desembargadores?
    Vms falar de transparência senhor presid, mostre suas contas, o POVO QR SABER.

  • queridos colegas convenhamos que está instalado verdadeiro caus em nosso estados. São municipios vivendo situação calamitosa sem poio dos órgãos competentes,segurança pública inoperante incapaz de manter a ordem e moral no estado, hospitais sem atendimento humanizado e medicamentos,familias excluídas de programas de transferência de renda na base se suposições e achaxismos,pessoas em TFD desamparadas em seus direitos.Eis aí a mudança que o povo queria, pena que seja uma mudança infeliz,enquanto isso muitos se preocupam com as ações da gestão WG, que teve seus percalços mais tínhamos um estado com estabilidade e boas perspectivas de futuro.

    • Quando desembarcares da espaçonave, te informa melhor dos últimos 8 anos do desastre Waldez e compara com o inicio do atual governo, que tu vais entender o porquê da choradeira.

    • O que estamos vivendo hoje em nosso Estado não é mais do que as consequências dessa “estabilidade do governo WG” a qual vc se refere. Seja sensata pois as pessoas que frequentam esse blog são inteligentes e, todos estão sentindo na pele quais eram as verdadeiras perspectivas da administração WG.

    • Acredito que você está equivocada quando afirma que tínhamos “estabilidade” e “boas perspectivas de futuro”. Era só uma questão de tempo para o estado afundar.

    • Minha cara, em q planeta vc vivia? Achar q “estabilidade” é viver pagando dívidas do governo passado, o q seria entao um governo sem dívidas?

    • Mas foi por isso que votei nele! Se for para defender os nosso escassos recursos ele deve mostrar unhas, dentes, faca, terçado, baladeira, bacamarte, canhão e tudo que for preciso, porque…

    • VC SO PODE SER PARENTE DE ALGUM DESEMBARGADOR….OU VOCE PREFERE QUE ELES AINDA VIVAM NA VIDA CERCADOS POR CAVIAR E MUITAS REGALIAS….JA QUE ESTA COM PENA DELES PEGUE SEU SALARIO E FACA UMA DOACAO A ELES…..ELES SAO TAO COITADINHOS….ONDE ELES ESTAVAM QUANDO O WALDEZ FOI PRESO E QUANDO O PEDRO PAULO FOI PRESO..FIZERAM VISTA GROSSA……E AGORA QUE AS REGALIAS FORAM TIRADAS ESTAO SENTINDO NA PELE….POR QUE ELES NAO FAZEM IGUAL A MUITOS PROFESSORES FAZEM: FAZEM A FAMOSA VAQUINHA PRA TOMAR UM CAFEZINHO E ELES NAO SO FALTA TER ALGUEM PRA POR NA BOQUINHA….E MUITA SACANAGEM ISSO MESMO…..

  • O judiciário precisa prestar contas dos seus gastos e também do que recebe indiretamente como multas e custas processuais. Todos sabemos que o governo atual executa um orçamento que foi elaborado pelo governo anterior e aprovado pela Assembleia. Por que não atacar a Assembleia que aprovou o orçamento? Não basta apenas dizer que possui custos, tem que demonstrar. O que estamos a acustumados a observar é um judiciário repleto de privilégios e omisso diante da crise financeira do Estado. Sr Presidente o que mergulhou o estado em uma crise institucional foi a “harmonia dos poderes” que contribuiu para que orgãos como judiciário e Ministerio público ficassem surdos, cegos e mudos. Sou contribuinte e exijo prestação de contas!

  • Onde estava essa gente quando o Amapá tava sendo saqueado??? Ninguém governa este Estado se não enfrentar esse povo arrogante que pensa que é dono de tudo. O povo tem mais é que apoiar o Governo e cobrar dos poderes uma melhor uso desse dinheiro todo que eles recebem desde que o estado foi criado

  • Eu gostaria só de perguntar ao desembargador quanto é a diária de um Juiz para fazer uma visita ao municipio de santana? a partir dessa reposta podemos fazer outros comentários, pois a população também deseja ver as contas do judiciário abertas, se possivel

    • Boa oportunidade para demonstrações de republicanismo e prestação de contas,de todos. Que tal mostrar quanto realmente custa e se o preço vale? Particularmente acho que os bacharéis em direito, em especial aqueles que compõem o P. Judiciário, acreditam que deva existir um mundo só para eles,com orçamento próprio, com instalações luxuosíssimas, com benessesinigualáveis, em total desconexão com o mundo real. Acham que é justo obterem salários como os que são pagos, como se estudassem 10,15,20 vezes mais que outros profissionais. Não é verdade. Sempre acharam que valem mais do que efetivamente valem. Nivelaram por cima e agora a consequência é essa. O orçamento é o mesmo. Tá faltando o do cafezinho? (como saiu em um jornal dia desses, num cinismo de dar nojo?). Na instituição em que trabalho, sempre sai do meu bolso, literalmente. Vocês já ganham muito. Trabalhem quanto os outros agora! Bem vindo ao mundo real.

      Fernando Bernardo
      Funcionário de instituição pública sem orçamento e sem benesses.

  • EU JÁ SABIA DISSO AGORA SO FALTA BRIGAR COM ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA E DEPOIS COM O POVO ESSE CAMILO COM SEU GOVERNO DÚBIO…QUEM SOFRE E O POVO COM A JUSTIÇA TRABALHANDO LIMITADA…

    • Tempão desde o fim das eleições que não posto aqui, mas agora com essa do judiciário vale a pena postar novamente, o que tenho a postar é que se o Judiciário agir dentro de sua competência sobraria e muito dinheiro do orçamento, pois 146 milhões ainda com 80 juizes espalhados nas Comarcas ainda assim é muito dindin mano presidente, mas em relação aos gastos do judiciário x assembléia, são mais convicentes que os dos demais, certamente que sim, só que todos estavam de olhos, ouvidos fechados para os anos de harmonia, em que nada pegou com os desmandos da turma do waldez

  • Desembargador! mostre ao povo do Amapa que o judiciario é honesto, correto, etc. ja que nao houve isso na epoca da harmonia. acabou a mamata.o judiciario quer mais dinheiro? mostre serviço. to com o governo.

  • O Desembargador deve mostrar a população como é gasto o orçamento do Tribunal. Na minha opinião o poder judiciário tem que acabar com as regalias e se adequar a realidade atual do Estado.

  • E o salario do judiciario pq nao reduzem para diminuir o gasto da folha de pessoal? Tem q sacrificar somente os outros funcinarios do executivo?

  • Onde o ilustre desembargador estava que não se pronunciou em nenhum momento nos governos do WG e do PP? Passamos 8 anos de total abandono, roubos exorbitantes aos cofres publicos que resultaram no caos em que se encontra o Estado, e em nenhum momento presenciei a interferencia do judiciario. Querer que o Camilo deixa tudo lindo e maravilhoso em 4 meses é exigir demais. Tenhamos no minimo bom senso!!!

  • É isso aí governador mostre pulso firme, esse pessoal está muito mal acostumado a fazer farra com dinheiro dos contribuintes, por que eles não exerceram o seu papel no governo passado? de fiscalizar, denunciar o que estava errado, todos tem que fazer um esforço para reconstrução deste estado, e enquanto isso a população está a ver navios, sem saúde, sem educação, sem emprego, andando em ruas cheias de lixo, buracos, muita lama, exposta a ação dos bandidos, e essa gente que desviou muito dinheiro público está rindo atoa, acho que tá na hora de abrir a caixa preta do poder judiciário, saber onde é realmente gasto o nosso dinheiro!

  • Se é o governo da mudança e transpareente, não dá para o sr. Capiberibe Jr. adotar o mesmo jogo do pai. As portas fechadas diz uma coisa e publicamente faz outra. Na época da “desarmonia’que o Capi Sênior fazia. (…)
    A reação do Judiciário é mais do justa. Não dá mais pra conviver (…) Ou eles mudam DE VERDADADE ou vireremos mais uma década de atrasos, perseguições e maledicências.
    Parabéns desembargador Mário Gurtyev pela coragem. Que suas palavras sirvam de alerta para a nossa sociedade que ainda vice o “sonho” de acreditar que eles ‘MUDARAM’.

  • A gente sabe qual é o lado da imprensa no Amapá. Se dá ouvidos ao desembargador, que é justo, mas não ao governador. Só a Tv Amapá faz o papel correto. Tudo que o desembargador falou, serve para o mesmo. Por que ele também não mostra suas contas(TJAP) para o povo? Esse pessoal não está acostumado a debater, só sabe mandar. Ficou chateado porque Camilo falou a verdade. Novamente o quarto poder já está se armando para dizer que a culpa das brigas entre os poderes é de um governador que pretende arrumar a casa, e infelizmente, pessoas atreladas a servir o poder para se beneficiar não querem saber de nada, e continuamos assim, nesse atraso, nesse marasmo, nesse estado de miséria, onde o Amapá se encontra.

  • Alguem sabe me dizer para onde vai o dinheiro arrecadados das custas processuais? e o arrecadado nos cartórios? não vejo essa informação em lugar nenhum. esse dinheiro é repassado ao Executivo ou fica no Judiciário?

  • Ao longo dos últimos 8 anos, os 3 poderes mantiveram a Harmonia a um custo muito alto para o povo do Amapá e que acabou com a “OPERAÇÃO MÃOS LIMPAS”. Só agora o Judiciário vem reclamar que não dá? O que eles fizeram para evitar o caos em que o Estado se encontra? Antes estava tudo Bem? A que custo? Onde esava as prestações de contas deles? Agora ele quer fazer guerra com o Governador? Tem que acabar com as mordomias lá dentro do Tribunal. Como ele mesmo diz, ele tambem tem que ter o onus de saber administrar com pouco dinheiro.

  • Concordo com as declarações do Desembargador Mário Gurtyev. A população está sendo jogada de encontro ao Judiciário, inclusive setores da imprensa, que já começaram a receber o estímulo ilícito(jabá). Todos sabemos que durante as eleições para para governo, o sr. governador e aliados próximos, promoveram uma intensa campanha difamatória contra tudo e todos. O sr. Jaime Nunes virou, o demônio-empresário; o atual Senador Randolfe virou um vendido de Sarney, além de outras armações; nos bastidores, negociava apoio político dos fichas-sujas para o 2º turno das eleições, enquanto dizia que seu desafeto Lucas Barreto, representava o mal. O sr. governador fez várias reuniões com servidores públicos e jurou de pés juntos que respeitaria a Lei da Data-Base. Hoje, não recebe as entidades, além de marcar reunião e sequer mandar uma assessor para vender uma desculpa. Pasmem! Durma-se com isso!

    Agora, assentado na cadeira do Setentrião e sem a experiência e maturidades para gerenciar com os problemas do Estado, procura desqualificar gestores e poderes, repetindo uma cena, como num filme pós-1994.

    A crise e a quebra da normalidade democrática no Estado não interessa a ninguém. Portanto, se fez promessas, têm de cumprir. Crime de responsabilidade é cabível para quem prometeu e não tá cumprindo.

    • Parece que a sua defesa está vinculada as mágoas da eleição passada e não se é justo o que se passa para esse judiciário que só mostra a cara pra cobrar alguma coisa quando acham que o dinheiro é pouco! Então vamos ao foco: Vc acha justo o que o judiciário recebe diante da paralisia financeira da saúde, educação, segurança pública…?

  • No governo passado ele ficou caladinho, a Polícia Federal prendeu governador, ex governador, “a mãe dos Pobres” (Ex 1ª dama), secretários empresários e escambau, porque esse desembargador não pede pressa das autoridades para agilizar as investigações sobre a operação mãos limpas? para que os larápios devolvam a grana?
    Agora o Estado precisa ser recostruído e onde entra o “tijolhinho” do judiciário?
    E olha que o repasse aumentou, imagine!!!

  • É rir pra não chorar. Onde é que vamos chegar?
    É Capizinho X Gurtiev;
    É Dalton X Moíses X Jaci X Rosely;
    É Roberto X Helena;
    É PM X Guarda Municipal;
    É Sara Núbia X Helena para ver quem se veste melhor (sou mais Helena com aquelas roupas floridas e aquelas argolas de aro de basquete).
    É contrato administrativo
    É Delegado pegando menininha de 14, ou melhor de 16, não… de 17 logo pra abafar o caso e não leva-lo de encontro ao insaciável PERNA DE MESA lá do IAPEM, daqui a pouco a policia vai dizer que ela é mais velha que o delegado.
    Brincadeiras a parte, nunca se brigou tanto por dinheiro em nosso estado. Enquanto isso os assaltantes tão fazendo a festa, os buracos estão rindo a toa, nunca se morreu tanto no trânsito, nunca se matou tanto de facada, paulada, nunca se viu tanta arrogância nas secretarias de nosso estado.
    Ê Macapá quem és tu? Prefiro pensar naquele exaltado pelo nosso amigo no texto da Cidade Joia, que cair na realidade de um município fadado ao caos total.

    • Concordo com vc, enquanto os “poderosos” se estapeiam lá em cima o povo só leva a pior aki em baixo!!!
      Ei vcs aí, q tal menos bate boca e mais ação? Pode ser ou tá difícil?

  • Tava demorando…Realmente a “HARMONIA” chegou ao fim. Pergunto: Em que essa tal harmonia entre os poderes beneficiou o estado nesses últimos 8 anos?? Parece-me que estava tudo tão harmônico que ninguem fiscalizava ninguem…Espero que essa “DESARMONIA” seja para benefício do povo.

  • Claro que o desmonte da “HARMONIA” está mexendo na parte mais sensível do corpo dos integrantes daqueles que a compunham. Os prédios, os palacetes, as lanchas, os automóveis de luxo conseguidos com tanta facilidade e rapidez, que refletiram o 1º alumbramento de certas figuras que aqui chegaram ‘sem um pau pra dar no gato’, como diziam os antigos e honestos habitantes da Macapá de antanho, estão querendo escapar por entre os dedos de suas excelências. ” – Se você vir um político ou um funcionário público rico e que vivam apenas do que auferem como tal, pode apontar o dedo na cara dele.” Palavras do Senador Cristóvam Buarque.

  • Éh…. o que o desembargador argumenta faz muito sentido. O Judiciario teve aumento em suas despesas e o nosso governador deve saber administrar os onus e os bonus do nosso Estado. Ele sabia os problemas que ele iria encontar. E eu como cidadã pergunta : Cade a transparencia que o nosso governador JURAVA que o nosso Estado teria???!!!! Fica a pergunta

    • Seu nome equivale à sua inteligência! Acorda filha, o único que tem motivos para reclamar é o povo, que não teve ontem, não tem hoje e não sabe se terá amanhã. Ou você tem uma das gordas assessorias do judiciário?

  • Alcinea,
    Me chamou atenção a notícia de licitação fraudulenta no SEBRAE-Ap. por qual motivo essa instituição nao faz o processo licitatório via PREGÃO ELETRÔNICO? seria um bom exemplo a ser dado pois o Sebrae-Ap deveria acompanhar a evolução do mercado nos meios eletrônicos para o aumento da competitividade das micro e pequenas empresas.
    Em julho de 2005, o Governo Federal obrigou todos os órgãos e autarquias federais a utilizarem o pregão eletrônico para efetuar compras e contratar serviços. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva assinou decreto que estende a obrigatoriedade a estados e municípios efetuarem o processo licitatório utilizando a modalidade de pregão eletrônica.
    A determinação vale para compras de bens e serviços com recursos públicos federais voluntariamente repassados. Segundo estimativa do Ministério do Planejamento, a economia da União com a nova regra foi estimada a R$ 1,2 bilhão somente em 2006. Nota divulgada pelo ministério informa que o pregão também dará maior transparência aos repasses de recursos federais.
    Em 90 dias, a partir da assinatura do decreto, os ministérios do Planejamento e da Fazenda tiveram que fazer a regulamentação, estabelecendo prazos e condições para a implementação do uso do pregão para os repasses de recursos federais.
    Vale lembrar que a lei é de 2005. o que precisa para Sebrae-Ap dar o Exemplo? já que o seu papel é orientar as empresas a seguir neste caminho….. tem alguma coisa errada nisso tudo! isso sim é um verdadeiro CINISMO!!!!!!!!!!!!

    • Alcinea este mesmo comentário foi postado em outros blogs porém somente vc. liberou. porque será? alguem ai sabe me responder?

      • Deve ser porque como aqui, não estava no contexto do assunto discutido, mas foi um bom comentário, quem sabe o judiciário lêia e use esta modalidade para adquirir bens e serviços, assim economize e quem sabe o orçamento dê e, não precise estar todo dia na imprensa, com está chatice, reclamendo do atual governo, que nada tem a ver com o atual orçamento que foi proposto pelo governo anterior e aprovado pela assembleia.

  • “O clima de tensão se transformou em guerra e mergulhou o Estado numa grave crise institucional com conseqüências nefastas”

    Prefiro Mil vezes o clima passado, do qque este da “Harmonia dos poderes” que acabou no presidio da Papuda.

  • Os serventuários da Justiça do Amapá ganham salários irrisórios em relação aos desembargadores, e trabalham mais também. O Desembargador foi deselegante, não demonstrar ser ele um homem público responsável com essas palavras, pois vai desencadear de novo a briga entre poderes do Amapá.

  • Essa galera estava muito mal acostumada. Se o judiciário não teve aumento eu não sei mais fazer contas. Sempre é assim, todos os poderes pressionam o executivo no inicio de governo para ele poder abrir as pernas. Se ano passado deu para pagar todos os custos, esse ano não deu mais, isso?

  • Alcinéa,
    Com a sua aquiescência. Venho com a mais respeitosa e devida vênia, lembrar a Vossa Excelência o Desembargador Mário Gurtyev, que no Brasil, a Lei de Diretrizes Orçamentárias tem como principal finalidade orientar a elaboração dos orçamentos fiscal e da seguridade social e de investimento do Poder Público, incluindo os poderes Executivo, Legislativo, Judiciário e as empresas públicas e autarquias. Busca sintonizar a Lei Orçamentária Anual (LOA) com as diretrizes, objetivos e metas da administração pública, estabelecidas no Plano Plurianual (PPA). De acordo com o parágrafo 2º do art. 165 da Constituição Federal, a LDO:
    * compreenderá as metas e prioridades da administração pública, incluindo as despesas de capital para o exercício financeiro subseqüente;
    * orientará a elaboração da LOA;
    * disporá sobre as alterações na legislação tributária; e
    * estabelecerá a política de aplicação das agências financeiras oficiais de fomento.
    Plano Plurianual está previsto no “artigo 165 da Constituição Federal”, e regulamentado pelo “Decreto 2.829, de 29 de outubro de 1998”, que estabelece as medidas, gastos e objetivos a serem seguidos pelo Governo Estadual ao longo de um período de quatro anos. É aprovado por lei quadrienal, sujeita a prazos e ritos diferenciados de tramitação. Tem vigência do segundo ano de um mandato presidencial até o final do primeiro ano do mandato seguinte. Também prevê a atuação do Governo, durante o período mencionado, em programas de duração continuada já instituídos ou a instituir no médio prazo.
    Com a adoção deste plano, tornou-se obrigatório o Governo planejar todas as suas ações e também seu orçamento de modo a não ferir as diretrizes nele contidas, somente devendo efetuar investimentos em programas estratégicos previstos na redação do PPA para o período vigente.
    O PPA é dividido em planos de ações, e cada plano deverá conter: objetivo, órgão do Governo responsável pela execução do projeto, valor, prazo de conclusão, fontes de financiamento, indicador que represente a situação que o plano visa alterar, necessidade de bens e serviços para a correta efetivação do previsto, ações não previstas no orçamento estadual, regionalização do plano, etc.. Cada um desses planos (ou programas), será designado a uma unidade responsável competente, mesmo que durante a execução dos trabalhos várias unidades da esfera pública sejam envolvidas. Também será designado um gerente específico para cada ação prevista no Plano Plurianual, por determinação direta da Administração Pública.
    A cada ano, será realizada uma avaliação do andamento das medidas planejadas para o período quadrienal, não só apresentando a situação atual dos programas, mas também sugerindo formas de evitar o desperdício de dinheiro público em ações não significativas. Sobre esta avaliação é que serão traçadas as bases para a elaboração do orçamento anual.
    Isto posto, como acontece em todo os estados brasileiros o orçamento do estado do Amapá para o ano de 2011, foi elaborado e enviado para aprovação na Assembléias., pelo então governador Pedro Paulo, e o nobre desembargador sabe. Também é de conhecido do TJAP e da torcida do mengão, que foi “modificado, aprovado e praticamente metido garganta abaixo do Camilo e do povo”. Engraçado nos tempos da harmonia “os meritíssimos” nada reclamavam
    Para reflexão: “Um sistema judiciário tímido ou inoperante torna ineficiente qualquer mecanismo de combate ao crime”. Juiz Fausto Martin De Sanctis:

  • É o presente imitando o passado!!! Esse é o governo da Mudança?? Cadê a licitação da peça publicitária do governo que ainda não ví no sítio ou portal da transparênica? Mais que na mídia já está rolando! Todas as vezes entro no Portal da Transparência do Governo pra verificar essa arrecadação mensal, mais sempre a mesma coisa!! ERRO na Página! Seria um forma de engarnar a população jogando culpa na nossa fraca internet, enquanto se arrecada e ficamos sem saber o que estão fazendo com o dinheiro? #ToDeOlho #

  • É o presente imitando o passado!! De transparente não tô vendo nada nesse novo governo, ou seria velho governo? Cadê a licitação pra peça publicitária que aind

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *