De Emília para Rafael e Josiane

Rafael e Josiane vão se casar, abro a caixinha de desejos que guardo em meu coração e dela saem os desejos que timidamente formaram essa poesia desestruturada e sem rimas.
Primeiro veio o desejo de que um seja para o outro o esteio e a viga de sustentação para que os dias difíceis sirvam apenas para lhes fortalecer a união.
Depois saiu o desejo de que ele olhe para ela e veja sempre a doce menina por quem se apaixonou e ela tenha sempre em vista o homem amoroso que lhe conquistou o coração.
Em seguida o desejo de que ambos tenham a sabedoria para manter viva a sua paixão, não permitindo que ela seja sufocada pelo rolo compressor do cotidiano.
Depois quem saiu da caixinha foi o desejo de que o seu lar seja sempre um foco de luz, o abrigo onde a nova família que ora nasce e as duas famílias que hoje se completam ao receberem um novo filho e filha, possam ver nascer e crescer com saúde as crianças que Deus lhes enviar.
O último desejo é o de que todos abram também suas caixinhas de desejos e bênçãos e os derramem sobre o jovem casal.
(Emília Chaves)

  • Meus Queridos, que Deus abençoe a união de vcs, com
    muita saúde e paz sempre. E, saibam que semppre poderão contar comigo. Fico muito feliz por vcs, afinal foram 10 anos de namoro. Amo vcs. E.. Emilia querida, vc e maravilhosa, vc me emocionou com a msg. bjss

  • Borda assim definiu o Casamento:” é a união do homem e da mulher para o estabelecimento de uma plena comunidade de vida “. Dito isto, rogamos ao nosso Deus, o Grande Arquiteto do Universo que ilumine o casal amigo Rafael e Josiane.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *