Vamos falar de poesia?

Todo dia é dia de ler e falar de poesia e domingo então é perfeito pra isso.
Minha modesta estante está a sua disposição. Pode entrar, sem fazer cerimônia, pegue com afeto – como quem pega uma rosa – o livro que você quiser pra deixar o seu domingo mais bonito, mais leve, mais lírico. Pois, como diz meu amigo poeta Manoel Bispo, onde não há poesia, a vida pesa como chumbo.

  • Enquanta essa corja de políticos que conspiram em defavor do povo, tem gente intressada em levar a leitura ao nossoo jovens, eles deveriam seguir esse exemplo, mas a eles isso não interessa, porque a sociedade menos esclarecida é mais para que eles possa manipulá-los, por tanto,uma sociedade sem leitura não tem formação e consciência política ou até mesmo social.

  • Alcinéa, você já leu “A Revolução dos Bichos”, de George Orwell? Foi escrito em 1945, mas é um livro bastante atual, pois retrata bem a realidade dos partidos ditos de oposição. Se quiser, mando pra ti de presente.

  • É poesia pura a conversa entre o Governador apaixonado e a assessora. Que lindo. Como o amor inspira, comove, transpira ternura…
    Muleke, que depois de ler a VEJA, também voltou a ser romantico é vai comprar um óculos para namorada no Shoping Popular o dono de onibus.

  • Imagine se metada da população brasileira se desse o luxo de lê bons livros, concerteza seriamos um país mais humano e ético. Alcinéa, sugiro que leias “A Bagaceira” de José Américo, trata-se de um livro visceral.

  • Te empresto um Fernando Pessoa e vc me empresta esse Mario Quintana…o que acha? rsrs.
    Adorei seus títulos. Bom domingo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *