Cabo eleitoral é preso em flagrante comprando votos

A Polícia Federal prendeu em flagrante um cabo eleitoral pela prática do crime de compra de voto. Com cédulas de diversos valores, o sujeito dependendo da cara do eleitor oferecia de dez a cinquenta reais pelo voto.
A PF não divulgou o nome nem do cabo eleitoral nem do candidato que seria beneficiado com a captação ilícita.
O homem foi encaminhado à Superintendência Regional da Polícia Federal no Amapá para realização da prisão em flagrante e poderá cumprir pena de até quatro anos de reclusão, além de pagamento de multa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *