Prefeitura oferece tratamento para fumantes

O Dia Mundial sem Tabaco será celebrado em todas as Unidades Básicas de Saúde de Macapá com atividades educativas, que ocorrerão durante toda a semana. Entre elas está o cadastro de fumantes para tratamento, oferecido gratuitamente em doze UBS’s.

A finalidade é sensibilizar os usuários para a importância da prevenção e tratamento do tabagismo. Em três anos de atuação, 800 pessoas já concluíram o tratamento, que tem duração de um ano e é feito com equipe multidisciplinar e auxilio de medicamento.

Dados do último levantamento do Sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel 2017), do Ministério da Saúde, Macapá apresentou queda de 57,6% no percentual de fumantes passivos no local de trabalho nos últimos nove anos. O percentual de fumantes passivos nesse ambiente passou de 13,2% em 2009 para 5,6% em 2017.

Serviço

Data: 04/09 (terça-feira) – abertura da programação
Hora: 8h30
Local: UBS Brasil Novo
Endereço: Av. Abacatal, nº 177, Brasil Novo

(Ascom/Semsa)

Dia D contra a gripe

Acontecerá neste sábado, 12, o Dia de Mobilização Nacional para a imunização contra a gripe. Em Macapá, a prefeitura disponibilizará a vacina em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS’s), das 8h às 17h. O dia D é a oportunidade para que todas as pessoas que compõem os grupos prioritários se imunizem. Para ampliar a oferta, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) montará seis pontos fixos de vacinação em supermercado, shoppings e conjuntos habitacionais.

Mais de 48 mil pessoas já foram imunizadas, desde que a campanha iniciou. A vacinação é disponibilizada para bebês a partir dos seis meses e crianças menores de cinco anos de idade, idosos a partir dos 60 anos, gestantes, mulheres no pós-parto, professores, pessoas com doenças crônicas, população privada de liberdade, trabalhadores do sistema prisional e adolescentes de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas.

(Assessoria de comunicação/Sems)

Finalmente

A Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Pediátrica do Hospital da Criança e Adolescente  passará por reforma e manutenção na rede elétrica, forro e telhado, a partir desta quinta-feira, 19.

Os pacientes internados na UTI foram remanejados para a ala de clínica cirúrgica.

O prazo de conclusão dado pela empresa responsável pelo serviço é de 7 dias.

MP recomenda interdição da cozinha do Hospital Alberto Lima

Promotoria de Justiça de Defesa da Saúde expediu recomendação para que a Superintendência de Vigilância em Saúde (SVS) proceda a imediata interdição cautelar do espaço onde funciona o Serviço de Nutrição e Dietética (SND) do Hospital de Clinicas Alberto Lima, onde funciona a empresa “Primo José”, que fornece os alimentos àquela unidade de  saúde. Em audiência realizada nesta sexta-feira (13), no Complexo Cidadão Zona Norte do Ministério Público do Amapá (MP-AP), com a equipe e superintendente da SVS, Dorinaldo Malafaia, e representantes da empresa, foram constatadas que as várias irregularidades e inadequações apontadas em inspeção realizada pelos fiscais da SVS, em 2017, não foram sanadas e o local está classificado como de alto risco para funcionamento. (Leia mais)

Alerta! Confirmado caso de H1N1 em Macapá

A Superintendência de Vigilância em Saúde (SVS), divulgou ontem,  quinta-feira,o resultado do exame de um paciente com sintomas de Influenza-A H1N1, em Macapá. O exame confirmou a presença do vírus Influenza-A nele.

Em nota técnica, o Laboratório Central de Saúde Pública do Amapá (Lacen) ressalta que a  Influenza (Gripe) é uma infecção viral aguda do sistema respiratório de elevada transmissibilidade e distribuição global. Uma pessoa pode contraí-la várias vezes ao longo da vida e geralmente tem evolução auto-limitada. Porém, em alguns casos, pode evoluir para uma forma grave, principalmente em crianças menores de cinco anos e adultos maiores 60 anos de idade, gestantes, puérperas bem como em portadores de doenças pulmonares (incluindo asma), indivíduos imunodeprimidos, com doenças cardiovasculares, hepáticas e renais entre outras.

Ontem mesmo o Governo do Estado do Amapá (GEA) iniciou a distribuição das doses de vacinas trivalente contra a Influenza (Gripe) para os 16 municípios. O primeiro a receber foi Macapá.

Serão disponibilizadas, nas primeiras semanas, 78 mil doses.

De acordo com o Governo, ano passado  circularam dois vírus em todo o Estado: Influenza A (subtipo H3N2) e Influenza B. Houve um total de 13 casos de Influenza A, de subtipo H3N2; desses, 12 na forma mais branda (Síndrome Gripal-SG) e 1 na forma mais grave (Síndrome Respiratória Aguda Grave-SRAG). Foram 5 casos de influenza B

Vacinação contra o HPV e meningite

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) iniciará a nova temporada de vacinação contra o HPV e meningite C, na próxima terça-feira, 20, em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS’s).  Para este ano, a meta do Município é imunizar 55.638 adolescentes contra o HPV e 37.766 contra a meningite.

As vacinas são disponibilizadas nas UBS’s de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Para ter acesso, o adolescente deverá, acompanhado dos pais ou responsáveis, procurar a unidade básica munido do cartão de vacina.

Emenda de Davi Alcolumbre garante remédios nas UBS

Uma emenda de R$ 4.376.722,00 do senador Davi Alcolumbre garantiu a compra de 315 mil unidades de 21 tipos de medicamentos, que serão distribuídos nesta segunda-feira, 12,  em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS’s). São  xaropes, anti-inflamatórios, antialérgicos, polivitamínicos adultos e pediátricos, e antibióticos essenciais para os atendimentos oferecidos pela rede de saúde municipal.

Hoje, a prefeitura oferece gratuitamente remédios para o tratamento de hipotireoidismo, suplementação de vitamina D para tratamento de osteoporose, medicamentos controlados, bem como os insumos para os programas de planejamento familiar, suplementação de ácido fólico e sulfato ferroso para pré-natal e uso pediátrico.

Audiência pública de prestação de contas da Saúde divulga números de 2017

A Assembleia Legislativa do Amapá (Alap) sediou nesta segunda-feira (5) audiência pública de prestação de contas da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) referente ao Sistema Único de Saúde (SUS). As informações referentes às ações de saúde no nível de atenção primária da gestão dos programas do SUS realizados no período de setembro a dezembro de 2017, pelo Estado, foram esclarecidas no encontro aberto à população. O titular da Sesa, Gastão Valente Calandrini de Azevedo, expôs números em detalhes.

De acordo com o Calandrini, no ano passado foram utilizados na secretaria um total de R$ 767.235.882,00, sendo R$ 717.576.231,00 previsto na Lei Orçamentária Anual (LOA 2017) e uma suplementação de R$ 49.659.651,00, aprovado pela Assembleia Legislativa. “O que tirou a finança da secretaria do sufoco”, agradeceu o secretário. Para este ano, a previsão da LOA é de R$ 739.798.588,00. Segundo dados Continue lendo

Por onde anda?

Oficial de Justiça desde a manhã batendo perna atrás do diretor do Hospital das Clínicas Alberto Lima sem conseguir encontrá-lo.
Ninguém sabe onde ele está. Ninguém o viu.
Se alguém souber do seu paradeiro avise a Justiça